RESENHA AMANTE LIBERTO - 5º LIVRO DA SÉRIE IRMANDADE DA ADAGA NEGRA DA J. R. WARD

quinta-feira, 30 de junho de 2011


Curta o Som!

Como nada se cria tudo se copia, vi a idéia de som para o post
do blog da Gih (clique aqui para acessá-lo), as resenhas do blog são excelentes,
diversas dicas de filmes e livros interessantes.
Vale a pena conferir!!!!

clique no Play para escutar









SINOPSE

Título Original: Lover Unbound
Tradução: Caroline Caires Coelho
Número de páginas: 496
Selo : Universo dos Livros
ISBN : 978-85-7930-210-7

Nas sombras da noite em Caldwell, Nova York, a guerra explode entre vampiros e seus assassinos. Há uma Irmandade secreta, sem igual, formada por seis guerreiros vampiros, defensores de sua raça. 

O coração gelado de um predador será aquecido mesmo contra a sua vontade... Destemido e brilhante, Vishous, filho de Bloodletter, possui uma maldição destrutiva e a capacidade assustadora de prever o futuro. Criado no campo de guerra de seu pai, ele sofreu maus tratos e abusos físicos e psicológicos. Membro da Irmandade, ele não se interessa por amor nem emoção, apenas pela batalha com a Sociedade Redutora. 
Mas, quando uma lesão mortal faz com que fique sob os cuidados de uma cirurgiã humana, a Dra. Jane Whitcomb, ele é levado a revelar a dor que esconde e a experimentar o verdadeiro prazer de pela primeira vez... 

Até que o destino, que V. não escolheu, o leva para um futuro do qual Jane não faz parte.


RESENHA


Irei começar a resenha fazendo uma comparação, quando li o livro do Zsadist, Amante Desperto, achei que não teria nenhum outro irmão que tivesse sofrido tanto quanto Z. porém lendo o livro da resenha de hoje, Amante Liberto,  o passado do Vishous é tanto quanto pior ao passado do Z, apesar que achei o personagem de Z., a narrativa foi melhor desenvolvida que a do Vishous.


Vishous tem um passado perturbador que impressionou bastante, ele foi criado pelo pai o  guerreiro Bloodletter, com uma personalidade rude, pervertido e bastante temido, o que acontece no acampamento que V. foi criado é repugnante, imagina algo como degradação de humanidade, e acho que as situações descritas, sejam inimagináveis para nós leitores.


E através do conhecimento desse passado entendemos essa predileção por relações sadomasoquistas que, esse prazer pela tortura, realmente V. é bastante atormentado, e para agravar a situação ele anda possui dons especiais, como prever a morte das pessoas, ler pensamentos, e além de possuir uma mão amaldiçoada.

"No tabuleiro de xadrez de sua miserável vida, as peças estavam alinhadas, a partida havia sido reorganizada. Cara, quantas vezes na vida não conseguimos definir nosso caminho porque ele é decidido sem que possamos escolher?
 


O livre-arbítrio realmente era história para boi dormir." (Vishous)

E se alguém tinha alguma esperança com um relacionamento homossexual de V. com Butch, nesse livro no meu modo de ver foi totalmente enterrado, não só pela presença de Jane (breve falarei dela), ou se é que existi algum era unilateral, da parte do V., pois Butch sempre foi heterossexual assumido, e o amor que Butch sempre sentiu por V. foi fraternal, até pela história de vida de Butch (quem já leu o livro Amante Revelado) possui uma carência em relação à família.




E por desmitificar essa relação, a autora acelerou um pouco o desenvolvimento pessoal do V., achei muito rápido o interesse pela Jane, pois ele tem graves traumas emocionais, a mudança de atitude, foi radical demais.
Além do passado, o presente, também está tumultuado, ele encontrou, ou melhor, foi encontrado pela mãe, que ainda o obriga desempenhar uma nova função para o bem da raça, ou seja, a vida dele está sendo transformada novamente.


Porém Jane, é realmente uma personagem forte e cativante, podemos dizer que ela é o Butch de saias, já que ela sempre tem como o Vishous denomina “respostas espertinhas”, digamos que seja uma mulher muito bem resolvida.

A autora pode até ter acelerado inicialmente a mudança de personalidade de V., porém ela construiu um relacionamento que te envolve, e você se apaixona, sofre, emociona com todos os obstáculos que o casal passa no decorrer do livro. Todo sofrimento de Vishous em relação a Jane, e toda a angústia de Jane, J.R.Ward conseguiu nos passar os sentimentos reais dos personagens.


Momento Scheila 
(esse momento de comentar a parte HOT do livro)
As partes sexuais do livros são bem picantes, nosso Profº Vishous nos ensina a usar alguns apetrechos sadô, rsrsrs, e a primeira cena de Vishous e Jane, e bem no estilo "dominação", a autora até podia escandalizar mais, porém igual a todos os livros de J.R. Ward, é um hot extremamente sensual, e outra cena interessante é quando a Jane... Ops! E tem uma no apartamento do Vishous que ele e... Bom, leiam o livro... rsrsrs... Vishous me ensinou a ser perversa kkkk


Esse livro é um pouco diferente dos outros, quando sempre foi essencialmente desenvolvido somente os personagens principais, no caso de Amante Liberto, paralelamente a Vishous e Jane, as mudanças de personalidade de Phury, até no inicio não estava entendendo porque focar no Phury, mas no final do livro uma atitude de Phury será importante para Vishous.


Outro personagem em que aparece é John, é realmente surpreendente a relação dele com Z, pois é, o Z é emocionante essa amizade de ambos, até pelos traumas de ambos, e John nesse livro sofre grandes transformações.
Conhecemos Cormia, e com ela a Directrix, realmente a mulher tem o dom de humilhá-la, mas Cormia que juntamente com Phury, serão os personagens centrais do próximo livro da Irmandade, então falarei melhor no próximo livro.


Um ponto muito positivo nesse livro não tem “diálogo do alfabeto”, os nossos insuportáveis redutores, eles não aparecem naquelas partes maçantes, que parece até aquele desenho, Pink e Cérebro, tipo “Vamos dominar o mundo” kkkkk, eles aparecem somente em ação, nas lutas com os irmãos que também evoluíram bastante, mais empolgantes e sangrentas. É o único ponto fraco da Irmandade da Adaga Negra é os inimigos dos irmãos, eu como já escrevi nas demais resenhas, eu pulo a parte deles, porque realmente não adiciona em nada na leitura.


Apesar de ser muito suspeita para falar, já que gostei de todos os livros da Irmandade que li até agora, mas Amante Liberto está entre os melhores, pela carga emocional dos personagens, pela agilidade no desenvolvimento da narrativa, e por todas as revelações desse livro, além de instigar o leitor com uma expectativa para os demais livros.



"- Você está bem? – Jane perguntou. – Você está tremendo.
- Estou bem. – Ele a aproximou ainda mais. – Enquanto você estiver comigo, eu estarei bem."
(Vishous e Jane, Pág. 428)

MARCADOR DE LIVRO










PRÓXIMO LANÇAMENTO
AMANTE CONSAGRADO 
6º LIVRO DA SÉRIE IRMANDADE DA ADAGA NEGRA

ISBN : 978-85-7930-236-7
Número de páginas: 552


Nas sombras da noite de Caldwell, Nova York, desenvolve-se uma furiosa guerra entre os vampiros e os seus assassinos. Há uma Irmandade secreta, sem igual, formada por seis guerreiros vampiros, defensores de sua raça. E agora, um Irmão obediente deve escolher entre duas vidas...
Ferozmente leal à Irmandade da Adaga Negra, Phury se sacrificou pelo bem da raça, convertendo-se no macho responsável por manter a linhagem da Irmandade. Como o Primaz das Escolhidas, ele será o pai dos filhos e das filhas que assegurarão que sobrevivam as tradições da raça, e, que haja guerreiros para lutar contra os redutores.
Como sua companheira, a Escolhida Cormia quer ganhar não só o corpo, mas também o coração de Phury para si... Ela vê o guerreiro emocionalmente deteriorado atrás de toda sua nobre responsabilidade. Mas enquanto a guerra com a Sociedade Redutora se torna mais severa, uma grande tragédia abate a mansão da Irmandade e Phury deve decidir entre o dever e o amor.

46 comentários

  1. Estou precisando reler meus IRMÃOS... em livros (papel) só li até Rhage... eu amo todos eles... sem exceção... uns mais outros menos... mas Vishous é um dos meus preferidos... e sua resenha... com música a la Gih... ficou MARA!!!! Que sucesso!!!

    ResponderExcluir
  2. Vishous Delicius ... aaa como adoro esse livro ... mais é um pouco estranho pq vc termina de ler o livro e pensa "Esse é o melhor livro da IAN, esse é o meu TOP" ai vc começa a ler o proximo e já muda completamente de opnião ... hahauahuaau

    A música combinou muito ... me vez entrar e vez no clima ... MUITO BOM mesmo ...

    Como sempre arrasando Paty :')

    ResponderExcluir
  3. Oi Amiga!!
    Primeiro tenho que dizer q a Resenha está Perfeita!!
    Adorei, estou cada vez mais ansiosa para ler esses livros, acho q vou comprar um box no próximo mês!!!
    As montagens estão lindas. Parabéns!

    E obrigada pela propaganda!! kkkk

    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha e achei muito engraçado o momento Scheila kkkkkk

    Fiquei super curioso a respeito do livro do V depois de saber que ele é um tanto quanto mais pesado do que o do Z e principalmente pelo fato de ser explicativo quanto os modos meio estranhos que esse personagem demonstra. Além de querer descobrir por quais mudanças a Jane irá passar.

    Maninha, como sempre as montagens arrasaram e valeram as noites em claro hehe. E desta vez ainda tivemos um bonus!!! Deftones!!! \o/


    Beijossssssssssss, parabéns pelo texto e não esquceça seu guarda-chuva em casa!!!

    ResponderExcluir
  5. Uauuuuuuuuuu...
    Adorei a resenha!
    Sabe que eu tive muito medo de ler este livro...
    Vishous é o meu guerreiro preferido e eu tinha receio do que iria acontecer no fim da história. Eu sempre ouvia: "- Pq a Ward fez isso com o V.?" Medo, medo , medo!!!(vou parar por aqui para não divulgar spoilers).
    Mas, surpreendentemente, amei o livro.
    Saudade do meu V....

    ResponderExcluir
  6. Parabéns pela resenha Patrícia! Muito em breve pretendo ler Irmandade da Adaga Negra. Beijos!

    ResponderExcluir
  7. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!!!!!!

    Sei que o V safadinho é da Déia (@sentilivros), mas sempre que vejo ele tenho que apertar aquele traseiro..uhhhhh adoro!!!

    A resenha ficou MARA, Amante Liberto é o livro que eu mais gosto...embora o irmão do meu coração seja o Rhage...o Vishous é de largar a família também...cada quote que você postou me deixou com muito mais vontade de reler ele!!! E este livro pra mim é o que tem a melhor mocinha depois da Beth....acho a Jane tudo a ver comigo..o mesmo temperamento workhalic e a mesma voz de comando inclusive!! hehehe

    E o que é esta música??? Já viajei pra cobertura do V e com certeza esta musica tocará quando usarmos as algemas!!! kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  8. Aiii Gzuis! Concordo com tudo! Pink e Cérebro é demais kkkk Eu também achei muito apressado mesmo o desenvolvimento emocional do nosso lindo V. Eu o adoro, e eu sou fão número 1 da Jane. Eu não sei se seria capaz de ser como ela e aceitar ele!
    Só quero dizer que, não sei porque, mas o passado de V. fez eu chorar mais e sofrer mais do que com o de Z. Acho que é porque é tão cruel e brutal, que eu não queria que isso tivesse acontecido pra que ele não ficasse assim, desse jeito. Sei lá. Nunca fui muito com a cara de Phury, mas, depois do livro de V. eu começei a gostar mais dele e começei a ler o livro dele já com mais empolgação.
    Linda parabéns! B.D.B forever!

    Obs: Adorei a música! Tudo a ver!

    Beijokas

    ResponderExcluir
  9. Li o livro a poucos dias e amei (claro!). Nem podia ser diferente, sou apaixonada confessa por IAN. Concordo plenamente quanto aos redutores; por mim podiam ser banidos de Caldwell e não fariam a menor falta na série. Amo as cenas sensuais, super elaboradas e intensas... ui!
    Este não foi meu livro favorito, o fato de focar tanto em Phury e John... acho dois chatos. O final parao casal me surpreendeu muito tb.
    Ah, a música foi perfeita!
    Bjkas,

    Monique Martins
    MoniqueMar
    @moniquemar

    ResponderExcluir
  10. Ainda não não cheguei nesse livro! Mas adorei a resenha! Amo todos os irmãos em especial o meu Rei Cego! Parei em Amante Revelado. Preciso ler mais IAN!

    ResponderExcluir
  11. Infelizmente ainda não conheço esta série que parece ser muito boa. Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  12. Acho que vocês iam AMAR o Dante da série The Maker's Song ^^
    Eu li o primeiro livro da série e achei fantástico {pra mim é um dos vamps mais sexy da literatura - naum vejo a hora de ler o segundo...
    O que me desanima na série IAN é ter UM MONTE de livros...
    Estou com minhas leituras de séries todas paradinhas e pegando só livros com começo, meio e fim no momento... Mas a série IAn me parece ser muito boa mesmo, no começo eu achei que deveria ser muito pelega, mas é legal saber que minha primeira impressão foi errada ^^

    Morri de rir hoje com a Paros fugindo do livro de zumbi, rs, aguardem logo resenhas de Amores Infernais {acreditem ou não, tem um conto levemente HOT - e olha que é YA!} e do Ghostgirl pra vocês saberem se vão curtir XD

    Agora q os zumbis pagodeiros foram embora, comentei, viu? Sob livre e espontânea coação hahhaha

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. até hoje não li nenhum livro da série, mas está na minha lista.
    esses livro parece ser bom demais.
    Amei a capa de paixão. ^^

    beijos.

    ResponderExcluir
  14. Esse foi um dos livros que não gostei tanto, também achei tudo muito rápido, mas gostei da escolha dela como companheira, sendo que ela tem um personalidade muito forte. Confesso que não gostava muito do V mas depois que li o último livro... sem comentários, amo ele agora rs
    Bj

    ResponderExcluir
  15. Ainda bem que sabem que ele é MEU!
    Mas, confesso que adorei a resenha, como sempre!!!
    Entenderam meu amor por ele né? kkkkkkkk...
    E Sche, só se imagine no ap viu?
    Bjos!!!
    Andréia
    Sentimento nos Livros

    ResponderExcluir
  16. Aném, ameiii e agora estou louca nessa música, qm canta????

    ResponderExcluir
  17. Stephania o nome da música é Change do Deftones

    ResponderExcluir
  18. Só tenho uma coisa a dizer... uau! Rs. Mas que blogueira mais #safadinha rsrsrs. A música é legal p/ acompanhar a sinopse (eu fiz isso ^^) E tbm as imagens são bem bonitas, enquanto a resenha... eu me divertir bastante kk.

    ResponderExcluir
  19. Nossa que demais, nossa o Vishous deve ter sofrido bastante para ser assim, sou fã da Jane já, esse livro ficou em terceiro lugar na minha classificação da sério, ainda prefiro o número 1 pela história que achei demais. Adorei também esse estilo de resenha com a música e as imagens estão demais, espero que tenha mais livros da série.

    ResponderExcluir
  20. A resenha de IAN continuou prendendo minha respiração e só me deixou ainda mais curiosa para começar essa série. Eu simplesmente preciso ver com meus olhos todos esses trechos, todos os cenários e personagens. Sinto que estou ficando para trás! Acho que será impossível eu não ler essa série o mais rápido possível! Socorro, vou pedir no próximo Dia das Crianças, Natal sei lá! Só preciso comprar o primeiro volume e começar!
    Adorei a resenha!

    xx

    Only The Strong Survive

    ResponderExcluir
  21. Aiiii to doida pra leer!!! Afooooooooooooro o vishous!!!
    bites!

    ResponderExcluir
  22. O.O Muuuito bom!! Fiquei muito louca pra ler esses livros agora. A resenha tava ótima. Mas só me deu ainda MAIS vontade de ler!! Que raiva :D

    ResponderExcluir
  23. Eu to louca pra ler esse livro, mais eu acabei sabendo do final, e fiquei deprimida, poooxa!
    Resenha maneira. beijão.

    ResponderExcluir
  24. Aiii, o Vishous é um dos meus Irmãos preferidos (só perde pro Rhage, haha *-*). Mesmo com toda essa pose de macho e todo esse problema pra demonstrar sentimentos, com a Jane ele é carinhoso e apaixonado, e os dois juntos fica tão lindo que é impossível não gostar do livro. E tem também o humor, as conversas engraçadas e os cortes que ela dá nele (como se ele não gostasse HAUHAI).

    Adorei a resenha, ficou ótima! Beijoos.

    ResponderExcluir
  25. Confesso que fiquei impressionada com a história do Vishous.... só não gostei muito do final a lá Gasparzinho...mas tudo bem.

    ResponderExcluir
  26. Vishous me ensinou a ser perversa²
    Ahhh tambem queroo.
    Eu ainda não li esse por que estou terminando o do Butch mas confesso que eu adoro o V, ele é tão sexy. Adoro aquela frase " Eu nunca me equivoco "
    Agora estou louca pra ler esse livro depois dessa resenha. Amei, mal posso esperar pelas partes hots *-*

    Muito obrigada.

    ResponderExcluir
  27. Maldição .. eu queria saber das cenas hots , adorooo IAOSHAIO
    Eu li a resenha, porém não li nenhum livro então dei uma boiada, porém toda vez que leio resenhas da série tenho vontade de chorar (PQ em nome de todos os santos eu não tenho estes livros ainda?)
    T.T

    ResponderExcluir
  28. Nem li os primeiros mas já fiquei a fim de ler esse também! \o/
    Principalmente por não ser centrado somente em um casal principal, eu adoro personagens secundários, gosto quando são explorados devidamente nas histórias, dá um ar mais realistico e menos massante :)

    Beijos

    ResponderExcluir
  29. OMG, pelo pouco que sei sobre a série e pelo que já li, nas suas e outras resenhas, a estória do Vishous e do Z parecem, realmente, as mais emocionantes. E esses quotes??? Fiquei doidinha pra ler!

    ResponderExcluir
  30. Adorei a sua resenha, muito interessante o jeito que você as faz, com imagens. Do livro, eu sei que é maravilhoso, mesmo sem ter lido a série.

    ResponderExcluir
  31. Continuo boiando na série, mas fiquei curiosa para saber o que vai acontecer com a Jane. PS:Amei as capas dos livros

    ResponderExcluir
  32. Amo tdos os livros da serie, Meus referidos sao Rhage e Phury ...
    Mas tbm gosto do Vishous, Tbm nao gostei mto do fim..Porém a serie é otima...

    ResponderExcluir
  33. Vishous é o personagem que mais me atordoa, não sei ao certo se amo ou odeio ele, hehe... Ele tem muitos traumas, de infância, inclusive, mas não gosto muito da forma como ele trata algumas pessoas. Mas quando ele fica mais racional se torna apaixonante. É um grande livro, com certeza.
    Bj

    ResponderExcluir
  34. Eis aqui mais um enorme motivo pra eu ir correndo comprar a série!
    P.S. Parabéns pela resenha, como sempre ótima!

    ResponderExcluir
  35. Adorei a resenha.. gostei muito desse livro mas confesso que esperava mais...acho que a autora deveria ter dado mais ênfase no destino...que não importasse de qts maneiras diferentes ele estavam separados..mas sempre um voltava para o outro..coisas desse tipo...mas parabéns pela resenha! Há fiquei impolgadíssima com Phury, acho que esse vai ser demais!

    Bjuss

    Amanda

    ResponderExcluir
  36. Para começar amei a capa de todas é minha preferida, não li o livro ainda, mas na ordem quem vc ama dos Irmãos V é o nº3 nem sei dizer pq, só sei q paixão é assim o nº 1 é o REI depois o Phury,, gente que gosta pra gente complicada e eu nem li o Phury ainda ...mas a cada resenha amo ++ e++ os meninos e a sua só me deu agua na boca...

    ResponderExcluir
  37. Mais uma resenha que me deixa supercuriosa e com uma vontade gritante de ler um livro bom. Simplesmente amei o Momento Sheila, achei muito criativo. E dei boas risadas. Estou doida para ler essa série!

    ResponderExcluir
  38. ficaram ótimas *_*
    me deixou muito mais curiosa ainda... li as outras *_* ahhhhhhhhhhhhhhh quero ler. como faz? uauhsuhshau
    beijos
    boa noiteeeeeeee

    ResponderExcluir
  39. Acho que a dificuldade do relacionamento da autora com o personagem (ela diz muitas vezes que este é o irmão mais difícil), fica claro no livro. As vezes parece que outra pessoa escreveu. Vishous teve realmente uma vida difícil mas ainda prefiro meu Z.

    ResponderExcluir
  40. Esse livro como todos os outros foi perfeito.. amo IAN; gente muito interessante a maneira como a estória nos prende a cada livro fico mais e mais apaixonada!

    ResponderExcluir
  41. Devo ser a unica que ainda não leu esses livros, mas ta falatando verba aqui em casa , kk Mas, eu precisso comprar esses livros, urgentemente !

    ResponderExcluir
  42. Google Friend: Franciane
    Twitter: @Saaneflores
    O legal da série é que vc passa a esperar por este amor que vai aparecer na vida desses vampiros e que colocaram tudo de 'pernas para o ar' (expressão da vó...)
    Estou morrendo de curiosidade nestes livros, e a resenha só me fez ficar ainda mais ansiosa! Eu preciso desta coleção para ontem! rs
    Confesso ter ficado preocupada em conseguir ler o que seria o passado degradante deste personagem, mas de qualquer forma tenho certeza de que lerei a coleção o mais breve possíbel.

    ResponderExcluir
  43. É estranho comentar algo sem saber ao certo como a história está sendo desenrolada...mesmo lendo as resenhas (desculpa mas evitei mt coisa pq estava com medo de saber demais)quando não temos intimidade o suficiente fica realmente difícil dizer o que sentimos ou pensamos em relação.

    Mas se assim tem que ser...assim será feito.

    A primeira impressão que tive desse 5º volume...é que tem um tipo de acerto de contas e que rola mt tortura. Isso é dramático...mas ao mesmo tempo instigante...faz com a gente queira ler mais. Até a parte romântica da história é atraente...pq não é melosa. O personagem que é turrão...q não quer se apaixonar e no final se apaixona...é clichê...mas nessa série é diferente...intenso...perfeito.

    Outra coisa que me chamou mt atenção...são os nomes inovadores...nada convencional...Cormia é um nome bemmmm diferente...e pelo visto vai nos dar mt trabalho no próximo livro...rs.

    Bem...é isso...loucaaa por esse livros...louca para estar na Irmandade.

    ResponderExcluir
  44. Primeiramente quero parabenizar o blog novamente, acho incrível o carinho e tempo que vcs devem gastar para fazer cada post, as montagens são sempre maravilhosas e este tem até música...que por sinal é ótima tbm!
    Bom este livro parece ser tão bom qto os outros, a cada dia estou mais anciosa por IAN.

    ResponderExcluir
  45. O “diálogo do alfabeto” foi ótimo, tive que rir.
    O único defeito deste livro foi aquele final tosco.
    Reparo que boa parte do pessoal torcia pro V ficar com o Butch mas desde o livro 1 eu queria que ele ficasse com a Marissa.

    Livro do Phury nem tenho vontade de ler porque é o Phury.
    Vou pular ele.

    -------Erica Marts-------
    ----Leituras & Fofuras----
    www.leiturasefofuras.com.br

    ResponderExcluir
  46. Eu estou me deliciando com a série e continua sendo o Vishous meu vampiro preferido.
    Gostaria de tomar uma vodca Grey Goose com ele e bater altos papos.
    a série é ótima!

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário!