Resenha Dupla: @blogdaguardia + @paros28 - Amante Vingado - J.R. Ward - Universo dos Livros

sábado, 7 de janeiro de 2012

AMANTE VINGADO

Nas sombras da noite de Caldwell, Nova York, desenvolve-se uma furiosa guerra entre os vampiros e os seus assassinos. Há uma Irmandade secreta, sem igual, formada por seis guerreiros vampiros, defensores de sua raça. Enquanto eles defendem a raça dos redutores, a lealdade de um vampiro especial será posta a prova – e sua perigosa natureza será revelada…


Rehvenge sempre manteve distância da Irmandade, pois guarda um letal segredo que poderia fazer dele uma arma na guerra contra os redutores. E enquanto as conspirações dentro e fora da Irmandade ameaçam revelar a verdade sobre o ele, Rehv se aproximará da única luz que clareia seu mundo de escuridão e jogos de poder, Ehlena, uma vampira que nunca conheceu a corrupção e traição… é a única que pode salvá-lo da destruição eterna.


Sobre a série

A série internacional de vampiros a Irmandade da Adaga Negra, de J.R. Ward já conta com dez volumes e é um dos principais sucessos do gênero. Cada volume conta a história de um dos vampiros da Irmandade e sua luta pela sobrevivência e suas paixões arrebatadoras. Certamente se você ainda não leu, irá se apaixonar pela série como milhares de fãs em todo o mundo. Livros da série:

Todos os reis são cegos.
Os bons enxergam isso e utilizam mais que sua visão para governar.
LONGA VIDA AO REI!!! Embora o tema central de Amante Vingado seja os conflitos emocionais de Rehvenge e sua luta para dominar o seu lado devorador de pecados, Wrath também vem com tudo neste 7º volume da Irmandade...roubando a cena em diversos momentos.
Mergulhamos de cabeça com nosso amado soberano naquilo que seria o seu pior pesadelo e junto com ele aprendemos o valor da superação, que muitas vezes só acontece depois que nos despojamos de preconceitos e nos permitimos arriscar.

Wrath e Beth protagonizam a pior briga de casal de todos os tempos no seio da Irmandade, assim como uma das melhores cenas de amor da série até agora...ahhhhh se aquela escrivaninha falasse!! hehehehe - Mas o bom é que o amor sempre vence tudo, claro que, desde que ainda exista respeito e confiança. E, embora elas tiveram seus momentos de abalo cismico nossos soberanos conseguiram dar a volta por cima.

Bem, mas voltemos ao nosso Rehv! Gente, o que foi este homem??? Não é de hoje que nosso Bad Boy Moicano vinha se salientando na trama e é claro que estávamos ansiosíssimas para ler o livro dele. E realmente ele não decepcionou em nada!!
Um macho de valor como X-Hex nos afirma (mas principalmente para Ehlena) que teve que suportar uma chantagem desumana (tá eu sei que praticamente ninguém por lá é humano, mas vocês me entenderam) para proteger sua mãe, irmã, sobrinha e agora a fêmea de sua vida. Um segredo sórdido (que já é do nosso conhecimento a algum tempo), que deve ser mantido a todo o custo.

Rehv é praticamente um mafioso, sempre preferindo arrancar os dedos dos outros para que não lhe roubem os anéis. Traficante e Cafetão, ele e seus comparsas Trez, iAm e X-Hex dominam o submundo de Caldwell. Mas ele não se orgulha do que faz, isto é apenas um modo de manter o seu segredo.

Ward nos mergulha no eterno flagelo de Rehv, em seu sofrimento de cafetão à protituto, no conflito entre o mafioso e o chefe honrado de sua famíla. Entre o Amor e o Dever. Mas, principalmente em sua vergonha...e esta é uma constante em sua vida. Pelo menos até conhecer Ehlena.

Amante Vingado faz jus ao tamanho, visto que a qualidade é realmente proporcional ao número de páginas. Ward nos cativa com uma narrativa sensual e intensa.
A melhor parte é que ela deixa de lado a luta com os redutores, passando a tecê-los como estrategistas e não somente uma sopa de letrinhas burra e insistente...o que para nós foi uma grata surpresa, visto que a guerra sem sentido entre eles e a Irmandade tem sido a parte mais chata da série...assim, com os redutores aparecendo muito pouco, a narrativa se tornou mais fluída e menos cansativa...APROVAMOS MUITO!!

A diagramação e revisão da Universo dos Livros foi brilhante como sempre, fazendo por merecer a publicação desta Saga tão maravilhosa aqui no Brasil e a capa também foi a melhor até o momento (escolha dos leitores é claro).

Não trouxe nenhuma citação pois vou deixar esta parte para as montagens pervas maravilhosas da Paty...mas tenho algo a declarar: "Nossa, eu nunca pensei que uma meia-calça pudesse se transformar no artigo mais erótico do vestuário feminino!"

A unica coisa que não gostei foi da finaleira! Tá certo que a Ward tinha que deixar um gancho para AMANTE MEU (o livro do JM), mas fala sério, como é que na hora do furdunço (que na boa, nem foi tão grande assim!) ninguém notou o desaparecimento do nada da X-Hex??? Achei que neste ponto infelizmente nossa autora favorita se perdeu um pouco e deixou de embasar melhor o fato.





O livro Amante Vingado segue o critério dos livros anteriores, ou melhor, a partir de Amante Liberto, já que os quatros primeiros foram focados essencialmente no personagem principal, porém nesse livro está ainda mais dividido, apesar do livro ser do Rehvenge, vários outros personagens receberam destaque,  o Wrath e Beth com problemas, também o problema da visão, também teve o drama e a recuperação de Tohr e conseqüentemente afetando John,  entre outros acontecimentos, e por isso decidi fazer a resenha por tópicos.


Rehvenge & Ehlena
A personagem Ehlena já apareceu no livro do Amante Consagrado, ela é enfermeira da clínica do Havers, possui uma personalidade forte, decidida e confiante, pois a vida dela atual é complicada, o pai com problemas sérios de saúde, ele tem o mal de Alzheimer, e ela como única filha tem que trabalhar para pagar o tratamento, apesar de antigamente a família dela ter sido da glymera, eles perderam tudo, no decorrer do livro descobrimos que o pai dela foi enganado.


Leitores de IAN sabem que Rehvenge é um sympatho e ele vive na clinica do Havers para se medicar para controlar esse lado dele, já que os sympathos são discriminados pelos vampiros, então ele mantem esse lado em segredo para não prejudicar diretamente a sua família, que é a Bella (shellan do Z) e sua mãe.

"(...) Graças ao seu lado mau e ao negócio que conduzia, tinha quebrado muitos ossos, partido várias cabeças e tinha sido a causa de muitas overdoses.
Ehlena, entretanto, passava suas noites salvando as pessoas.
Sim, tinham muitíssimo em comum, é claro. Os esforços dele possibilitavam que ela mantivesse seu emprego.
Simplesmente perfeito."


          

Por ter medo que descubram, ele é chantageado pela Princesa (é uma sympatho, leiam o livro e irão entender melhor) além de pagar um certa quantia a ela, ele tem que manter relações sexuais com ela, e esse contato é completamente desgastante fisicamente para ele.
"- Bem – disse Ehlena um tanto desajeitada -, posso responder sobre minha cor favorita, se quiser. Talvez evite que as coisas fiquem muito pesadas.
Rehv voltou a mente ao assunto.
- E qual seria?
Ehlena pigarreou um pouco.
- Minha cor favorita é... ametista.
Rehv sorriu até as bochechas doerem.
- Acho que é uma cor excelente para se gostar. A cor perfeita."
Devido a sua personalidade, Ehlena é a única enfermeira que “tem coragem” de atender  Rehvenge, apesar de eles falarem somente o essencial, Rehv sente uma atração por ela, e nesse livro ele começa tentar uma aproximação.


E essa aproximação gera diálogos bastante sensuais, um dos diálogos mais sensuais que tem no livro e de Revh e Ehlena no telefone, e tem a famosa cena “1001 utilidades para fazer com uma meia-calça e bateria de celular de reserva”  kkkkk
Além de uma particularidade que Rehv tem durante o ato sexual, que ele no inicio não queria ter relações com Ehlena devido a isso, por sentir vergonha (uma tremenda bobagem eu garanto kkkkkkkk).


Porém a Princesa descobre sobre a relação de Rehv com Ehlena, e por ciúmes ela vai revelar o segredo do Rehv, e somado a isso a profissão de Rehv (dono da ZeroSum e traficante de drogas) afasta a Ehlena dele.


E temendo que a família e Ehlena se prejudiquem por causa dele, ele planeja um jeito de acabar com sua vida. Ele vai morrer??? Não sei vão ter que ler livro....

Wrath & Beth


Esse livro até podia chamar Amante Sombrio 2, temos bastante cenas desse casal, quem já leu o Amante Sombrio e adorou, nesse além de matar a saudade vai ficar mais apaixonada ainda por eles.
Inicialmente Wrath está com problemas na glymera, já que os membros da alta sociedade querem destituir ele do cargo, além dos problemas com os redutores que estão mais organizados e ofensivos do que antes, com isso ele tem que convocar todos os guerreiros e colocar John, Qhuinn e Blay nas ruas para combater os redutores. Tem ainda um possível atentado contra sua vida.
Já não bastam os problemas organizacionais terá ainda problemas conjugais sérios, devido ao fato de Wrath está saindo para caçar redutores, e quando Beth descobre, acontece uma ruptura que abala um pouco a relação do casal.


Mas esse é outro casal que quando se entendem, tem uma cena no escritório do Wrath que posso dizer que embaixo de uma escrivaninha é um lugar interessante... rsrsrs..
E se acharam que serão esses problemas de Wrath, tem mais um que é de saúde, já que a sua visão está cada dia menor, e devido a isso aparece um personagem novo George, além de Payne para na medida do possível ajudá-lo a enfrentar a perda da visão.

"Engraçado, acontecimentos transformadores nem sempre são planejados ou esperados. Sim, claro, a transição o transforma num macho. E quando você passa pela cerimônia de acasalamento, você é parte de um todo, não mais só você. E as mortes e nascimentos fazem você ver o mundo de forma diferente.
Mas, às vezes, sem aviso, alguém alcança esse lugar quieto onde você passa seu tempo sozinho e muda a forma como vê a si mesmo. Se você tem sorte, essa pessoa é sua companheira... e a transformação o lembra mais uma vez de que você está toda e absoluta certeza ao lado da pessoa certa: porque o que essa pessoa diz não afeta você por ser quem ela é, mas pelo conteúdo de sua mensagem.
Payne golpeando seu rosto fez que acordasse.

George trouxe sua independência

Mas Beth entregou sua coroa."



Tohr & Lassiter /John & Xhex

Antes que vocês achame que Tohr e Lassiter são um casal, eles não são sexualmente falando... mas em discussões parecem um casal de velhos rabugentos, sempre provocando um ao outro, eu particularmente me apaixonei por Lassiter, sempre que ele aparece com certeza a garantia de diálogos cômicos.


No decorrer do livro descobrimos que Lassiter tem como incumbência de recuperar Tohr a pedido de alguém, apesar de Tohr ter voltado ele continua não querendo se alimentar de sangue, e com isso ele está muito fraco.
Essa depressão Tohr afeta diretamente a John, já que se sente excluído da vida de Tohr o qual ele vê como um pai.

"- O que ele disse, Qhuinn? – perguntou Wrath.
- Ah... ele disse que não importa se vai encontrá-lo.
- John, não está falando sério.
O garoto girou e gesticulou para que Qhuinn traduzisse.
- Ah... disse: sim, que está falando muito sério. Ele disse que não apode mais viver assim... esperando, pensando cada noite e dia quando vai àquele quarto se Tohr... John, um pouco mais devagar. Ah... se o macho enforcou-se ou se foi embora de novo. Mesmo se ele voltar... John diz que para ele já chega. Foi deixado para trás muitas vezes.
Difícil argumentar com isso. Tohr não tinha sido um grande pai ultimamente, tendo tido sua única realização nessa área a criação da próxima geração de mortos-vivos."

Por causa desses problemas e também o amor não correspondido por Xhex, John tem uma reviravolta de personalidade nesse livro, John é um personagem que vinha em evolução no decorrer de todos os livros, mas nesse já que é o antecessor do seu livro, Amante Meu (lançamento previsto para final de Janeiro), então tem alguns pontos que serão esclarecidos no próximo livro, entre eles o sumiço de Xhex.

"Wrath amaldiçoou em voz baixa e depois interrompeu a desculpa de Qhuinn.
- Não, está bem, filho. Você não sabia. Não podia fazer nada. Mas onde diabos ele está?
Tohr não escutou a resposta por causa do rugido que havia na cabeça. John estava em Caldwell sozinho? Foi sem dizer a ninguém? E se alguma coisa tinha acontecido?
Interrompeu a conversa.
- Esperem, onde ele está?
Qhuinn ergueu o telefone.
- Não quis dizer. Sua mensagem só dizia que está em segurança e que vai se encontrar conosco amanha à noite.
- Quando voltará para casa? – perguntou Tohr.
- Acho... – disse Qhuinn encolhendo os ombros – que ele não vai voltar."

Humor
"A escada que foi revelada tinha um suave brilho vermelho.
- Sinto como se estivesse entrando num filme pornô – V. murmurou enquanto descia com cuidado.
- Só falta aquelas velas pretas que você tanto gosta – Zsadist provocou.
No fim da escada, eles olharam para os dois lados num corredor de pedra esculpida e observaram nada além de fila de... velas negras com chamas cor de rubi.
- Retiro o que disse – murmurou Z.
- Se uma música de filme pornô começar a tocar – V. responde -, posso te chamar de Zad Bengala?
- Não se você quiser continuar respirando."

A autora J.R.Ward tem um equilíbrio incrível em relação a isso, mesmo com todos os dramas acontecendo nesse livro, tem sempre o bom humor, e nesse tá recheado, já falei de Lassiter, mas os outros irmãos estão mais relaxados, Rhage, Butch, até o Z nesse estavam engraçadinhos, além de Tohr e Lassiter, temos o V com o a anjo que também provocam boas risadas no decorrer da leitura.
Dica: Uma cena hilária entre o Tohr, Rhage e Lassiter da página 511 a 513.

Outros Personagens
Fiquei feliz porque vi Mary nesse livro faz tempo que ela não participava deles, apesar de pouco... foi bom revê-la.
Outro personagem que apareceu foi o amigo de Butch, o José de La Cruz, que estava investigando um caso de assassinato na boate de Rehv, acho que esse personagem terá futuro no livros.
Também aparece é o advogado Saxton (primo de Qhuinn), ele terá mais participação nos próximos livros, ligado diretamente a um personagem.

Conclusão
O livro em minha opinião é ótimo, o interessante que gostei dele porque ele não foi focado no personagem principal, adorei os acontecimentos paralelos a isso e que diretamente interferem na narrativa de Rehv, antes estava incomodada com esse novo padrão da Ward, de ter várias histórias e não focar o principal, mas nesse livro ela desencadeou minha curiosidade por alguns personagens que apareceram na trama.
Lassiter com certeza tem que ter um livro, fique intrigada com Payne, e com o detetive José de La Cruz, acho que o próximo livro Amante Meu irá pegar fogo, não só pelos principais, mas até o rumo dos redutores, dos guerreiros da raça, nesse livro teve várias interrogações para o próximo ou para os próximos.



MARCADOR DE LIVRO




Facebook Universo dos Livros
Twitter Universo dos Livros
confira a resenha


Os 4 livros foram resenhados juntos

12 comentários

  1. Ta vendo, com um post maravilhoso desse dá até vergonha de postar algo la no blog......srsrsrsr
    Nunca li nada da JR Ward mas muita gent não gosta dela e como já estou saturado de vampiros creio que dessa vez irei passar. Depois que eu finalizar algumas séries pendentes quem sabe eu não começo esse XDD

    Abraços,
    http://www.vidadeleitor.com/

    ResponderExcluir
  2. Que posto MARAVILHOSO! Amoooo passar por aqui e ver o esmero de vocês... LINDO LINDO :D

    Ia dizer que eu era a única da blogosfera a não ter lido todos e ser aficcionada por ela, mas tem o Matheus acima pra me salvar...

    Beijocas,
    Lariane - Leituras & Devaneios

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?
    Falam que essa serie é muito boa
    E pelo que li agora, confirma
    Mas nunca tive oportunidade de ler …

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Gente, para tudo... Isso aqui não é uma resenha! Isso é um estudo científico de um livro, de uma série e de seus personaens!!! Que trabalho maravilhoso de vocês duas!!! Parabéns! Sem palavras!!! Uma das melhores resenhas da Patthy, da Sche, do GMN até o momento! Parabéns!! Quanto ao livro nem tenho o que falar! Sou perva assumida, apaixonada por vampiros, apaixonada por livros... Portanto IAN é o resumo de tudo que sou e sou fã da série, da cada irmão...

    ResponderExcluir
  5. Meninas, amei a resenha! Estou lendo Amante Vingado e curtindo bastante, apesar de ainda estar no começo. Reparei que o Wrath e a Beth aparecem bastante e gostei muito disso, já que eles são o meu casal favorito de IAN. Estou ansiosa pela cena da escrivaninha que vocês tanto falaram...Hehe. Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Oi, meninas, que resenha mais espetaculosa!!!
    Também amei esse livro (bom, especialmente porque certo personagem com protese na perna deu o ar da graça. Estava preocupada que ele pudesse sumir da série e eu morrer de saudade!! Apareceu pouquinho, mas o bastante pra mim =D)
    E o Lessiter!!! Amo esse menino! Estou mega ansiosa com o Amante Meu, John é um dos meus queridos e, honestamente, o final de Amante Vingado me deixou roendo até as unhas dos pés!! =P
    Bjão!!

    ResponderExcluir
  7. Ai gente, para tudo! Esse é o MEU homem, digo, meu vampiro/sympath! *-*
    Rehv é meu amorzinho, desde a época que ele era "apenas" o Reverendo e tal... Não tenho esse livro ainda, na verdade só tenhos os três primeiros (grana curta, sabem como é). Mas isso não me impediu de ler o resto inteiro da saga no pc, até porque, quando começei a ler IAN, só tinham sido lançados (e bem recenetemente) os dois primeiros livros, e eu não aguentava de ansiedade.
    Bem, sobre o livro, ele é LINDO. Embora eu ache a Ehlena um pouco menos fod*** do que eu esperava que ela fosse, e que tenha tido MUITO pouco deles como "casal" no livro, se é que vocês me entendem... Poxa queria ver como ele ia ser na cama, caramba. Sem falar que o foco do livro, embora seja o Rehv e a Ehlena, esteja muito mais divido do que nos livros iniciais (o que é algo que foi ocorrendo gradtivamente, e embora seja interessante para dar uma boa continuidade na história,acaba sendo um pouco chato porque nós queremos ver o casal em "ação").
    Sobre Amante Meu, é INCRÍVEL também. John, seu lindo. hehehehehe
    Sem falar em Blay (L) Quihnn, que são meu casal fofura! Depois de Butch e V., que não realizaram minha vontade e ficaram separados, acho que finalmnte vou encontrar o amor! :P


    Bjoos!
    (deixe-me sair daqui, que to no serviço e meu chefe da rondado! hehehe)

    ResponderExcluir
  8. Amo, amo, amo IAN!!
    E agora com esse moço das imagens Amo Revh tb! kkk
    Apesar de imenso devorei o livro assim que recebi e já comprei Amante meu, agora é esperar a entrega.
    Gostei do livro e mesmo achando a Ehlena um tanto "mosca morta" ela até que surpreendeu no final. A história em si ficou ótima com tantos personagens aparecendo, gostei da dinâmica.
    Ao contrário da maioria acho o John um chato e não sei o que esperar do livro dele.
    Bjkas!!

    Monique Martins
    moniquemar
    @moniquemar

    ResponderExcluir
  9. *pausa para o suspiro*

    Adorei o post!

    E esse modelo lindo! #morri

    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Tah, agora acho que posso respirar...O que foi isso???
    Pati, coração, vc arrasou. Mandou super bem nas montagens, isso é q é Rehv...adorei!!!! rs'
    Fiquei ainda mais animada para ler o livro, espero que ele não demore a chegar!
    Amei, beijooos

    http://kastmaker.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Paty voce vai me matar do coração 0.0 No começo eu não lia ler a resenha por que ainda estou no livro do V ( estou no livro do V a mêses, eu sei u.u, mas ler em ebook é um saco. ) Mas eu não consigo resistir a uma resenha dupla de duas mulheres que admiro muito *_* quanto mais da minha série favorita 0.0² é não tinha como eu tinha que ler... ai ferrou... Agora eu tenho que saber o que o Rehv se envergonha ( perfeito como ele é fico imaginando o que seja... ) E descobri o que ele vai fazer pra acabar com a vida dele ( sempre sonhei com o Rehv na irmandade *-*² será que acontece? ) E essa meia calça??? Nossa como eu já escutei falar dela eu TENHO que saber essas 1001 coisas rsrs
    Ahh Wrath... meu primeiro amor... rsrs gente embaixo de uma escrivaninha... quando eu li isso falto muito pouco mesmo pra eu sair pra ler essa cena 0.0³ ( a Ward tem uma imaginação... fico eu me perguntando como é ela e o marido >.< rsrsrs eu tinha que falar isso!! ) Morri de ri aqui lendo da converça do Z e o V ( é incrivel como é simples mas ao mesmo tempo muito engraçado, acho que é por que se voce imaginar a cena deve ser hílaria, conhecendo como conhecemos esses dois né *-*³ ) Nem preciso dizer que agora eu PRECISO² ler as páginas com a cena de Tohr, Rhage e Lassiter rsrs Rhage já é uma comédia em pessoa e esse Lassiter parecer ser mais ainda. Mas eu tenho que dizer aqui, vou só eu ou tem mais alguém que ficou com super invejinha do Lassiter admirando a bunda do Tohr *-*²² rsrsrs Ahhh gente eu me diverti muito lendo essa resenha, da pra notar né olha o tamanho do comentário u.u melhor eu parar aqui se não ninguém vai querer ler =P Só tenho que dizer mais uma coisa... Obrigada Paty e She vocês são demais!!!

    @anasofiachang

    ResponderExcluir
  12. sempre viajo nas resenha da @paros28, ja li amante vingado posso dizer que Rehvenge é MEU e ninguem tasca, eu amei este livro,serio, para mim Lassiter tambem deveria ter um livro so para ele, o cara é uma perfeita piada, mas é lindo rs
    bem, gostei do Thor ter aparecido mais VIVO neste e parado com o drama, e fiquei curiosa pelo Jhon que deu aquele gostinho de rebeldia e quero mais rs
    é bom saber que depois de Amante Consagrado a autora se recuperou e nos deu Revh e Ehlena que foram uns dos mehores casais para mim de IAN. agora é esperar por mais

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário!