RESENHA O SUBSTITUTO - BRENNA YOVANOFF

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012


O Substituto

Autor: Yovanoff, Brenna
Editora: Bertrand Brasil
Categoria: Literatura Estrangeira / Romance
I.S.B.N.: 9788528615555

Sinopse: Mackie não é um de nós. Ele vive na pequena cidade de Gentry, mas vem de um mundo de túneis e águas escuras e lamacentas, um mundo de garotas-cadáver governado por uma pequena princesa tatuada. Ele é um Substituto — deixado no berço de um bebê humano há dezesseis anos. Agora, devido a uma alergia fatal a ferro, sangue e solo consagrado, Mackie está morrendo aos poucos no mundo dos homens. Mackie daria qualquer coisa para viver entre nós. Tudo o que ele deseja é tocar baixo e descobrir mais sobre uma garota estranhamente fascinante chamada Tate. Mas quando a irmãzinha de Tate desaparece, Mackie é irreversivelmente arrastado para o submundo de Gentry, conhecido como Caos.






Eu amei a leitura deste livro! Um mix entre Tim Burton e Neil Gaiman, recheado de delicadeza e sensibilidade.

Mackie é um garoto sensível e meigo, mas completamente diferente dos demais, sua pele muito pálida, seus extremos olhos negros e seu cabelo tão loiro que chega quase a ser branco. Mas não é apenas a sua aparência que destoa do mundo, Mackie tem um segredo.

Ele é alérgico ao mundo. Um simples toque de algo de ferro o pode matar e o lugar de onde ele veio é um mundo à parte.
Solitário e desajustado, Mackie tenta entender o quê lhe acontece, de onde veio e o que acontece nos bastidores assustadores da cidadezinha de Gentry e com tudo isso, ainda tentar sobreviver ao ensino médio sem entrar em evidência.



Os subterrâneos da cidade escondem muito mais do que uma rede de esgotos velha ou o metrô. O terror sempre conviveu lado a lado com a pacata vida suburbana da cidade, crianças sempre desapareceram, mas as pessoas parecem não sentir a necessidade de reagir ao fato, desde de que tudo permaneça em seu lugar conforme sempre esteve.



Na história, Emma tem quatro anos. Ela pula da cama e atravessa o quarto. Quando enfia a mão por entre as barras da grade do berço, o ser se aproxima. Ele tenta mordê-la, e ela puxa a mão de volta, mas não se afasta. Eles passam a noite inteira olhando um para o outro no escuro. De manhã, o ser continua agachado sobre a colcha com desenhos de carneirinhos e patinhos, olhando para ela. Esse não é o irmão dela. Sou eu.
O Substituto - pág. 18



Criaturas sombrias "protegem" a cidade e Mackie descobrirá que os segredos são mais podres do que ele imagina e sua origem misteriosa pode definir o que ele é e o que ele pode se tornar.


Quando a Bertrand lançou O Substituto, eu já havia ficado apaixonadíssima pela capa e super curiosa pela sinopse, mas quando o peguei para ler na ultima sexta-feira, eu simplesmente não consegui mais parar de ler.

Mesmo em alguns momentos não fugindo de alguns clichês do gênero YA Sobrenatural, este livro acaba realmente nos surpreendendo pela bela trama elaborada e principalmente pela intensidade emocional de Mackie que acaba nos influenciando também.


O livro é sombrio e carregado com uma teia emocional muito intensa, Mackie consegue ser meigo, altruísta e muito fofo, mesmo dadas as suas bizarrices (mas afinal, quem não tem as suas?). Brenna Yovanoff conseguiu redigir um fabuloso conto sombrio, repleto de seres fantásticos e muito interessantes, com personalidades cativantes e sentimentos abrasadores. Desde Mackie, Tate, Ross e todos os outros, fica difícil embarcar em outro livro YA com o mesmo sentimento gostoso com o que eu me deparei ao ler O Substituto.



Mesmo nos deparando com momentos muito tensos, a estória é tão bem redigida em 1a. pessoa e junto com Mackie vivenciamos o amor nas suas diversas formas, juntamente com os amigos, os laços afetivos e valores familiares e o primeiro amor na adolescência, mesmo que em condições muito sombrias e conturbadas.



- Não sou normal, Tate.- Eu sei. - A mão dela começou a passear por baixo da minha camisa, tocando minha pele, percorrendo meu peito e meu estômago, indo em direção ao cós do jeans. - Isso é bom?Fechei os olhos e fiz que sim.- Você é normal o suficiente.
O Substituto - pág. 175
Realmente em diversos momentos me senti visitando o Estranho Mundo de Jack com diversos amigos da Coralinne inclusos. Mackie foi o personagem mais intrigante e fofo que me foi apresentado este ano e, assim como Tate...é impossível não se apaixonar por ele.


A capa de O Substituto é um show a parte, assim como a diagramação e revisão que o tornam um exemplar lindo e com certeza ajudam a agregar o tornando como um de nossos preferidos após a leitura.

1 comentários

  1. MUUUUUUUUUUITO BOM esse livro! Também adorei a capa, diagramação e tudo o mais. A história é diferente, surpreendente, me atrevo a dizer que muito original. Simplesmente fiquei apaixonada.

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário!