Resenha: O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares - Ransom Riggs.

sábado, 22 de fevereiro de 2014

Autor: Ransom Riggs
Titulo original : Miss Peregrine's : Home for peculiar children.
Editora: Leya
ISBN: 9788580442670
Ano: 2012
Páginas: 336
Tradutor: Edmundo Barreiros

Sinopse:
Tudo está à espera para ser descoberto em O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares, um romance inesquecível que mistura ficção e fotografia em uma experiência de leitura emocionante. Nossa história começa com uma horrível tragédia familiar que lança Jacob, um rapaz de 16 anos, em uma jornada até uma ilha remota na costa do País de Gales, onde descobre as ruínas do Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Enquanto Jacob explora os quartos e corredores abandonados, fica claro que as crianças do orfanato são muito mais do que simplesmente peculiares. Elas podem ter sido perigosas e confinadas na ilha deserta por um bom motivo. E, de algum modo ? por mais impossível que pareça ? ainda podem estar vivas. Uma fantasia arrepiante, ilustrada com assombrosas fotografias de época, O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares vai deliciar adultos, adolescentes e qualquer um que goste de aventuras sombrias.
Resenha:

Nem o sono,nem a morte;
Vive quem parece morto.
A casa em que naceste,
Amigos de tua primavera,
Velho e moça,
A labuta diaria é o seu pagamento,
Estão todos desaparecendo,
Fugindo das fábulas,
Não podem ser detidos.
                                                                                                                    - Ralph Waldo Emerson.

Sabe aquele tipo de livro que é totalmente diferente do que você imagina, mas infinitamente melhor do que qualquer expectativa??
Se você olhar este livro na prateleira de uma livraria, com certeza não vai ser o primeiro escolhido do leitor, a capa não é muito chamativa, mas se tiver a oportunidade de abri-lo, você vai levar ele para casa. Este livro tem a diagramação mais linda que eu já vi, além do que, a historia é completamente surpreendente, uma temática inovadora, uma narrativa leve  e um enredo de tirar o folego. Faz jus a indicação de John Green e Tim Burton na contra-capa.
O livro é narrado pelo ponto de vista de Jacob, um adolescente de família rica, mas que não sucumbiu ao poder do dinheiro, e não se sente confortável em ter mais oportunidades do que a maioria de seus colegas, mesmo não se esforçando para isso. Os únicos amigos de Jacob são Ricky, um punk de cabelos verdes  e seu avô Abe.
Jacob e Abe sempre foram muito próximos.Desde a infância ele escuta as historias de seu avô, um homem que sobreviveu aos campos de concentração nazista e a segunda guerra mundial. Mas as historias nem sempre são convencionais, na verdade, a maioria delas é um tanto quanto fantasiosa.Seu avô afirma que no orfanato onde passou a sua infância, convivia com crianças com poderes peculiares, um menino invisível, uma garota que levitava, uma inimaginavelmente forte, e para embasar essas historias, Abe mostrava a Jacob fotos antigas, que para uma criança parecia realmente autenticas, mas que com o passar dos anos, se revelou montagens grosseiras e mal feitas.
"Um dia minha mãe sentou comigo e me explicou que eu não podia me tornar um explorador,porque tudo no mundo já havia sido descoberto. Isso me deixou triste, e depois com raiva. Eu tinha nascido no seculo errado,e me senti enganado.
Pior ainda quando me dei conta de que as melhores historias do vovô Portman não tinham a mais remota possibilidade de ser verdadeiras.As historias mais exageradas sempre eram sobre sua infância, sobre como nascera na Polônia e, com cinco anos de idade ,fora mandado para um orfanato no País de Gales.Perguntei a ele diversas vezes  e de muitas maneiras diferentes por que ele teve de deixar os pais, e sua resposta era sempre a mesma: porque monstros estavam atrás dele."
Com o avanço da idade , as historias fantasiosas ,somado a obsessão por armas, ficou claro para todos da família que vovô Portman estava sofrendo os efeitos da idade, mas ainda sim, ele insistia em morar sozinho.
Certo dia, Jacob recebe um ligação de seu avô, completamente transtornado e afirmando que "Eles" estavam atrás dele. Acreditando ser apenas um surto, ele resolve ir até o condomínio onde seu avô mora, mas ao chegar lá, ele encontra o caos, a casa totalmente revirada, quadros quebrados, estantes viradas, e o pior de tudo:seu  avô não esta em lugar algum. Desesperado e temendo pelo pior, Jacob começa a procura-lo ao redor da casa e em meio a mata que cerca o condomínio. Com apenas uma lanterna, ele encontra um rastro de sangue e logo seu avô, caído no chão,com vários cortes profundos peito e quase sem vida. Suas ultimas palavras são totalmente desconexas, mas insistindo que Jacob vá para a ilha e encontra a ave. O que isso significa, o garoto não tem a minima ideia, mas promete mesmo assim. Como se ver o avô morrer em seus braços não fosse assustador o suficiente, Jacob vê seus piores pesadelos se tornarem realidade, quando entre as arvores ele tem o vislumbre de uma criatura horrenda, com tentáculos que saem da boca, os observando.
Olha, não tenho muito o que falar deste livro, eu simplesmente AMEI. Não é segredo que eu sou fã de uma boa ficção, como Harry Potter e As cronicas de Narnia, então, quando esta historia começa a avançar e elementos como monstros, crianças com poderes, fendas no tempo e coisas do gênero começam a ser introduzidos, eu fiquei completamente vidrada.
Quando Jacob começa a desconfiar de que seu avô não foi apenas um velhinho excêntrico , e que por trás daquelas historias mirabolantes pode haver algo de verdadeiro, e a busca do garoto pela verdade sobre o passado deu seu avô, o seu herói de infância, é algo incrível.
Este autor é um gênio, ele criou um livro com uma temática completamente inovadora, conseguiu ligar todos os fatos de modo super harmônico, e apesar de historia fantasiosa e de todos os elementos criados, ao longo da leitura o leitor tem todos os seus "porquês" respondidos, sem falar no final, que te deixa completamente desesperado para ler o segundo volume.
O que mais me chamou a atenção neste livro primeiramente, foi a indicação de  John Green e Tim Burton, se foi aprovado por esses gênios, provavelmente deveria ser bom,o segundo foi o clima em que a historia acontece, não é um livro de fantasia infantil, existe segredos e perigos, o que torna a narrativa sombria e instigante.Terceiro, é o contexto histórico, o autor cita bastante a segunda guerra mundial, a perseguição aos Judeus, os campos de concentração, existe até alguns momentos em que você se pergunta, se os "monstro" que ele criou, não são uma figura de linguagem para descrever os horrores cometidos pelos nazistas. Esta mistura de historia com ficção, torna este livro uma boa leitura para todos, indiferente da idade.
Olha, eu odeio fazer comparações, mas as crianças peculiares me lembraram bastante "X-men" , com toda aquela historia de adolescentes com poderes, reunidos em um único lugar, temendo a reação dos ditos "normais", apesar de tudo.
Se fosse preciso uma uma única palavra para descrever este livro seria : Incrível.
Enfim, eu super indico a leitura, o livro foi para a minha estante de favoritos, é claro. Para quem gosta de ficção, fantasia e aventura, não deixe de ler. E agora eu fico aqui, roendo as unhas, aguardando ansiosamente a continuação.

10 comentários

  1. Realmente a capa é meio estranha, mas já que a diagramação é tão linda e a história parece ser maravilhosa (pelo menos para mim) já está anotado na lista de leituras. Essas crianças já conseguiram mexer com a minha imaginação.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  2. Uau! Nunca tinha dado muita atenção para esse livro - imaginava que era mais uma ficção juvenil como qualquer outra - mas agora me interessei de verdade! Parece sombrio e misterioso... Adorei!

    Beijos! || ape56.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Lembra qdo a gente comentou sobre este livro e vc me disse que ele era bem sinistro? Pois é, eu não cheguei a ler a sinopse, por isso não sabia que era um livro de fantasia, me baseei na capa e nas fotos antigas, achei que era um livro de terror, tipo o filme O Orfanato sabe? rsrsrsrsrsrrs
    Mas ai, leio sua resenha e descubro que é de fantasia.... bem, ainda quero ler se eu tiver a oportunidade, mas quebrou um poco o encanto que senti... rsrsrsrsrrsrs
    Adorei a resenha, agora senta e espera o próximo volume neh? rsrsrsrrs

    bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  4. Quando vi a capa imaginei que fosse de terror tbm , mas gostei bastante da resenha ficou muito bom é com certeza vou comprar este livro .
    Nome de Seguidor: Lays snaps
    Email: lays_snaps@hotmail.com

    ResponderExcluir
  5. Realmente a capa não é lá essas, o que é ruim para o livro, afinal, é a primeira impressão que fica. Mais só em ter indicações do John Green e Tim Burton já vemos que o livro é bom, a qualidade da escrita e da história são indiscutíveis e dica anotada, mas acho difícil minha pessoinha ler. Mais isso é questão de gosto entende?

    ResponderExcluir
  6. Esse livro , tem um capa bizarra u.u rsrs eu acho que irei ler .

    ResponderExcluir
  7. Caramba. Não dava nada pelo livro ao ver a capa, mas quando comecei a ler a sinopse já pensei: preciso ler logo este livro!
    Fantasia banhada em mistério e que chega a ser arrepiante é o que eu preciso, e nunca encontrei em um livro.
    Fez eu me lembrar um pouco da estória da segunda temporada de American Horror Story.
    Fiquei interessada na obra.

    ResponderExcluir
  8. Nossa... se fosse a uma livraria e visse este livro, passaria reto por ele... mas depois de ler esta resenha maravilhosa, com certeza lerei este livro. Principalmente agora que estou em uma fase de livros de fantasia....

    ResponderExcluir
  9. Fiquei super curiosa , quero muito ler *-* O segundo volume ainda não foi lançado no Brasil?
    E-mail: juliamariamoraes2013@gmail.com
    Nome de seguidor: Julia Moraes

    ResponderExcluir
  10. Olha,Pra falar a verdade amei a resenha e não achei a capa nada ruim achei intrigante e concerteza quero ler esse livro! Mas queria saber em que lugares eu posso achar esse livro pra ler online?...Bjs!

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário!