Resenha + Sorteio: #SemanaSILO @intrinseca

sexta-feira, 11 de abril de 2014

SILO
HUGH
HOWEY
I.S.B.N.: 9788580574739

Sinopse: Em uma paisagem destruída e hostil, em um futuro ao qual poucos tiveram o azar de sobreviver, uma comunidade resiste, confinada em um gigantesco silo subterrâneo. Lá dentro, mulheres e homens vivem enclausurados, sob regulamentos estritos, cercados por segredos e mentiras.
Para continuar ali, eles precisam seguir as regras, mas há quem se recuse a fazer isso. Essas pessoas são as que ousam sonhar e ter esperança, e que contagiam os outros com seu otimismo.

Um crime cuja punição é simples e mortal.
Elas são levadas para o lado de fora.
Juliette é uma dessas pessoas.
E talvez seja a última.



Depois do apocalipse nuclear. Quando o ar é irrespirável e a vida sobre a Terra foi extinta, tornando o nosso planeta inabitável em sua superfície, poucos seres humanos ainda sobrevivem. O SILO no subsolo é o único celeiro da vida humana neste planeta.
E se vivesse confinado em um lugar em que cada nascimento precisa ser precedido por uma morte, e uma escolha errada pode significar o fim de toda a humanidade?
Em 144 andares subterrâneos, onde todos tem uma função e todas as pessoas passam suas vidas a partir de sombras para aprender o ofício e após desempenhando suas funções para garantir a continuidade da vida. Nas fazendas hidropônicas, mecânica (um dos níveis mais baixos usados para a geração de energia), no berçário ou na cafeteria. Ainda assim, não há liberdade, você continua confinado. Ter idéias é muito perigoso e principalmente: ter esperança pode ser fatal.
Bem vindo ao SILO!



Com uma narrativa intensa e viciante, Hugh Howey vai tecendo sua trama em 3ª pessoa de forma que vai nos cercando e cativando já a partir do 1º capítulo. 
Já embarcamos neste fabulosa distopia com a curiosidade para mergulhar neste mundo pós-apocalíptico desolado e tentar entender o que se passa abaixo do solo.

Fenômeno da auto publicação, Howey chamou a atenção das grandes editoras com sua trama visceral que explora os principais medos e desejos do ser humano através de hipóteses factíveis que instigam o leitor a novas especulações e reflexões a cada novo parágrafo.
Com capítulos curtos e objetivos, a narrativa se torna rápida, fluída e intensa em diversos momentos, transformando a leitura numa experiência muito prazerosa e que com certeza acaba por agradar aos mais exigentes fãs dos distópicos.

Com personagens fortes e cativantes, vamos vendo muito bem delimitado até o momento os times para o bem e para o mal. Mas a pergunta as vezes é:  mal na visão de quem? Embora as motivações humanas sejam normalmente relacionadas aos instintos mais básicos para garantir a sobrevivência ou em alguns casos uma posição de vantagem para a auto-preservação, ainda creio que a partir dos próximos 2 livros teremos algumas reviravoltas quanto a isso, visto que o ser humano não é preto no branco o tempo todo onde possamos logo de cara delimitar quem são os reais mocinhos e bandidos nesta Saga. (isso me incomodou um pouco, mas agora só teremos que aguardar para ver).

Iniciamos a incursão ao SILO através do Xerife Holston e sua dor pela perda de sua mulher a 3 anos atrás e sua decisão em querer sair para a "limpeza".
Mas o que ninguém entende é porque Holston tomou esta decisão refazendo os passos de 3 anos atras já trilhados por sua amada esposa? 
Após, focamos em Juliette, a nova Xerife e a partir daí a nova detetive disposta a cavar a verdade sobre Holston, sobre o mundo exterior e sobre o SILO, não importando o quão fundo ela tenha que ir para isso.

O SILO é muito mais que um sistema organizado para sobrevivência. Sabe quando dizem que informação é tudo? Pois bem, realmente quando se tem a verdadeira informação isto pode mudar ou selar um destino.

O livro é magnífico. Nos fazendo investigar juntamente com Jules cada nova informação, questionar as verdades absolutas com as quais os habitantes são obrigados a viver e aceitar cegamente e principalmente tentar ponderar sobre quais ações seriam as mais assertivas (eu tenho que admitir que em alguns momentos não acho que ela fez o mais acertado).
Mesmo sendo uma trilogia, Howey consegue ambientar muito bem o leitor com uma boa descrição de cenários, regras, cultura e personagens.

Para quem procura um livro intenso para sair da rotina, SILO é altamente recomendável!


Veja as regras:
- Ser residente no Brasil;
- Ler e deixar um comentário válido nesta resenha (um comentário que reflita sua opinião sobre o que leu, não somente um "gostei" e etc.);
- Preencher os requisitos conforme o Rafflecopter.
a Rafflecopter giveaway


29 comentários

  1. Nossa, desde a Turnê Intrínseca eu fiquei muito curiosa e ansiosa pra ler o livro! Esse mistério sobre o que acontece com as pessoas que saem e por que elas sempre lipam as janela??? Fiquei me perguntando...Ótima resenha'

    ResponderExcluir
  2. Olha, vcs estão me deixando doida de curiosidade! rsrsrsrsrrs
    Já fiquei imaginando mil razões para desconfiar dos bons e torcer pelos maus... rsrsrsrsrs
    To adorando esses posts! Parabéns!

    Participando claro!
    rockanapcm1@gmail.com - Ana Paula

    bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  3. Ebaaa mais uma distopia!!!! Estou louca para ler, A História parece ser bem interessante.

    ResponderExcluir
  4. to doido com esse livro, adoro essas historias apocalipticas, acho fascinante.. *-*
    e essa ja me prendeu desde a sinopse, eu preciso, eu necessito desse livro... rsrs
    Essa #SemanaSilo está sendo muito bacana, estou adorando :D

    ResponderExcluir
  5. Adorei a ideia da editora fazer a #Semana Silo, as fotos do silo e as informações sobre distopias, assim acabou por me deixar super curiosa quando a esse livro. Adoro distopias e cenários pós-apocalipticos, não vejo a hora de desvendar segredos junto com a xerife,

    ResponderExcluir
  6. Sabe quando o livro não te atrai nem um pouco quando você olha para a capa?
    Foi o que aconteceu comigo... Aí resolvi ler a sinopse e fiquei tipo, precisando muito ler, o que se confirmou quando terminei de ler a resenha.
    Acho que estou precisando mesmo de um livro "intenso".

    Beijinhos,
    Lica

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Fui na 3ª Turnê Intrínseca e já havia ficado com muita vontade de ler Silo, agora depois de ler essa resenha não vou descansar até ler o livro <3

    ResponderExcluir
  9. Pela resenha muitos mistérios o livro tem
    Vou adorar e ler desvendar pq pra nascer um te que morrer
    Será que meu personagem preferido vai morrer :o OMG preciso ler já!

    ResponderExcluir
  10. Estou doida pra ler esse livro desde antes de saber do lançamento por aqui. Amo distopias/pós-apocalípticos e Silo parece ter todos os elementos que adoro em uma leitura.
    Fico feliz ao ler sua resenha porque pude perceber que foi uma leitura ótima pra você e isso só me empolga mais para tê-lo em mãos.
    Bom saber também que ele é em 3ª pessoa, prefiro narrativas assim para assimilar melhor o ambiente! Sua resenha esclareceu muito sobre o livro e o ambiente!
    Estou precisando de uma leitura intensa assim *-*

    Bjs,
    Andresa
    http://leiturasefofuras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi Sche,
    Desde o anuncio do lançamento de SILO, fiquei morrendo de vontade de ler.
    Já li várias resenhas a respeito do livro e cada vez mais fico instigada a começar a leitura. Achei diferente a proposta do autor, a história se passar num SILO, só de imaginar morro de medo de viver assim.
    Estou morta de curiosidade para saber o que tem fora do SILO e para isso pretendo ganhar a promo... hehehehehe
    Bjus!
    Katielle

    ResponderExcluir
  12. Nossa eu já gosto muito de distopia, e cada resenha que leio desse livro me deixa ainda mais ansiosa pra ler, ele parece mesmo ser maravilhoso!

    ResponderExcluir
  13. Sou meio fóbica com lugares fechados sem janelas, então qd li que esse livro era todo no subsolo me deu já falta de ar, mas ao mesmo tempo eu me senti desafiada a enfrentar isso por algumas páginas, assim resolvi que iria ler esse livro e ver como essa sociedade se desenvolveu dentro das entranhas da Terra.

    Miquilis: Bruna Costenaro

    ResponderExcluir
  14. Intrínseca e seus livros maravilhosos... já estou com vontade de ler "Silo", me parece ser ótimo. Eu adoro distopias e acho que vou gostar da história. E claro, não posso ficar de fora desse sorteio!

    ResponderExcluir
  15. Oi adorei sua resenha...mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura ou da saraiva..e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..abraços.

    ResponderExcluir
  16. Eu fico intricada toda vez que vejo um livro assim! A capa é belíssima, mas a história me parece ser sensacional! Gosto de histórias "pós-apocalípticas" (se é que posso chamá-lo assim, tem um quê de verdade que me atrai de um jeito que me deixa ainda mais complexada! haha
    Estou in love por esse livro!

    Beijos,
    www.dimoana.com

    ResponderExcluir
  17. Graças a Fazendinha do Orkut sei o que é um silo hahahahahaha
    Lendo a resenha, tive a mesma sensação tensa de quando li A Passagem... quero!

    ResponderExcluir
  18. Como comentei nos antigos posts sobre O Silo, esse livro parece ser muito bom e gosto desse tipo de assunto, me intriga.

    ResponderExcluir
  19. Nossa, já estava super curiosa, a resenha só ajudou a atiçar essa curiosidade ainda mais. Pensa que coisa maluca ficar "aprisionado" em um mundo subterrâneo, sem saber saber o que acontece. Ter que aceitar o que lhe é dito. Muito curiosa pra entender o que acontece neste SILO *----* Necessito ler.

    ResponderExcluir
  20. Me interessei por esse livro desde a primeira resenha que li, inclusive achei a capa mto interessante. Sou apaixonada por distopias e achei essa bastante singular, não pelo fato de ter de viver segundo o sitema e tals, mas fiquei intrigada com a atitude do xerife e super curiosa para saber o que aconteceu. Espero mesmo ter a oportunidade de ler. Apesar de que, já está na listona de desejados mesmo. Bjksss

    ResponderExcluir
  21. Desde a turnê intrínseca estou louca para comprar este livro , estou numa fase de distopias e este livro parece ser incrível , amei a resenha e ela me deixou ainda mais curiosa para ler ele e é claro que quero muito ganhar xD

    ResponderExcluir
  22. Estou participando!! Tô doida pra ler esse livro! =**

    ResponderExcluir
  23. Eu amo distopias e como essa se passa em baixo da terra estou muito curiosa pra ler e saber tudo o que esse xerife esconde.Eu não ia conseguir viver assim.

    ResponderExcluir
  24. Oi, eu ainda não li nenhum livro do gênero, conheci esse livro quando fui a 3ª turnê Intrínseca, e adorei, a sua resenha esta ótima, e eu fico pensando, imagina se isso acontecesse de verdade?O mundo acabasse ficando inabitável? Adorei o enredo, tenho certeza de que a historia irá me agradar muito.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  25. Gosto deste dramas científicos de fim da humanidade. Me faz pensar no que faria se isso acontecesse de verdade. Não seria um mundo ideal, mas a luta pela sobrevivência altera tudo e as pessoas competem o tempo inteiro. Deve ser muito difícil.

    ResponderExcluir
  26. Pela sua empolgação na resenha, o livro é excelente, eu gosto muito de narrativas em terceira pessoa, pois nos dá um panorama total da historia com detalhes...estou me acostumando a ler distopias e confesso que estou gostando bastante, espero poder ler esse livro em breve, pois já está na minha lista de desejados! Parabéns pela excelente resenha, bjão!

    ResponderExcluir
  27. Adoro livre que aborta temas apocalípticos, o comportamento dos personagens com a situação, me faz pensar muito sobre as possibilidades que aconteceriam em uma luta pela sobrevivência. O fato da capa não chamar atenção me atraiu muito, ultimamente tenho lido tantos livros ruins com capas bonitas que já estou pegando trauma!

    Adriana Nasimcneto

    ResponderExcluir
  28. Gostei da sua resenha, acho que tem tudo para eu gostar desse clima de mistério e sobrevivência do livro. Só espero que o final da série não seja algo parecido com o filme A Vila.

    Espiral dos Sonhos

    ResponderExcluir
  29. Ganheiii!!! Quanta alegria!! \o/ \o/ \o/

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário!