FELIZ NATAL!!! RESENHA UMA CHANCE PARA RECOMEÇAR - LISA KLEYPAS

quinta-feira, 25 de dezembro de 2014



Título Original: Christmas Eve at Friday Harbor.
Tradução: Bárbara Menezes
ISBN: 9788581636009
Selo: NOVO CONCEITO
Ano: 2014
Edição: 1
Número de páginas: 176
Formato/Acabamento: 16x23x1,3
Preço Sugerido: R$ 29.90
Baixe um trecho: clique aqui
Skoob: clique aqui


Sinopse: Victoria morreu em um trágico acidente, deixando sua filha Holly sob a responsabilidade do seu irmão, o solteiro convicto Mark. O tio Mark não se sentia muito preparado para cuidar da menina, mas assumiu o compromisso de devolver o sorriso aos seus lábios. No entanto, ele descon fia de que não esteja fazendo um bom trabalho, uma vez que Holly nunca mais falou desde que ficou órfã. Uma cartinha para o Papai Noel revela um desejo que pode ser a chave da felicidade de Holly: ela só quer ter uma mãe.

Maggie perdeu o marido em uma batalha contra o câncer e não quer jamais - passar por tudo isso de novo. Por isso, ela fechou seu coração e prometeu a si mesma dedicar-se somente a sua nova loja de brinquedos em Friday Harbor, que permite às crianças viajar um pouco nas asas da imaginação. A amizade entre Maggie e Holly (que até passou a acreditar em fadas!) ao mesmo tempo comove e preocupa o tio Mark. Ele tem certeza de que a nova amiga fará bem a sua sobrinha, mas precisa decidir se a deixará entrar em sua própria vida...

Nós também torcemos, do fundo do coração, para que Holly tenha uma linda noite de Natal.


Não posso reclamar esse ano em relação as minhas leituras, tive o prazer de ler excelentes livros, principalmente dos meus gêneros preferidos, romances de época e contemporâneos. E para completar meu ano de boas leituras, a Novo Conceito no mês de dezembro me dá, ou melhor, nos dá um presentão... Uma Chance para Recomeçar da maravilhosa autora, Lisa Kleypas (conhecida no Brasil pela série de época, Os Hathaways).


Uma Chance para Recomeçar tem uma história que lembra aqueles filmes natalinos da Sessão da Tarde ou atualmente nos canais pagos, e por falar nisso, ele foi adaptado para um filme de TV intitulado, "Christmas with Holly" (no Brasil Um Natal para Recomeçar, mas depois falo do filme).

Holly é uma menina que perdeu a mãe recentemente, e seu tio Mark Nolan ficou sendo seu tutor legal, porém desde morte da mãe, Holly não fala mais...


Por outro lado, Mark também está tentando se adaptar essa nova mudança, já que teve uma criação conturbada, os pais não davam a mínima para os filhos, além de um pai violento, Mark e seus irmãos não tiveram algo que pudesse chamar de família.

E a vida dele como a de Holly sofre mudanças, além da responsabilidade, ele terá que trocar a sua vida de solteirão e mudar-se para a ilha onde nasceu, e ainda morar com o irmão, Sam,  já que ele precisa de um bom lar para sobrinha. Ambos os irmãos terão que se adaptar com a responsabilidade de criar uma criança.


Nesse meio tempo abre uma nova loja de brinquedos na cidade, e Mark decide levar a sobrinha para ver se ajuda ou incentiva de alguma maneira fazer a sobrinha falar, já que até achar um colégio se tornou difícil devido a falta de comunicação.


A proprietária da loja Maggie Collins foi para Friday Harbor, inicialmente para respirar novos ares, e curar perda do seu marido devido ao câncer. Mesmo sendo uma jovem mulher de 28 anos ela não quer mais ter relacionamentos, até Holly e Mark entrarem em sua vida...

"(...) Vocês acham que poderiam ficar sem o macarrão com queijo este ano?
- Isso depende. Por que vou ter que ficar sem ele?
- Estou pensando em passar o Dia de Ação de Graças aqui com alguns amigos.
- Algum deles por um acaso é o Senhor Passeio de Balsa?
Maggie sorriu, pesarosa.
- Por que eu sempre conto coisas demais para você?
O pai dela riu.
- Tenha um bom dia e me ligue depois. E, quanto ao meu macarrão com queijo, basta colocar no congelador e trazer na sua próxima visita.
- Não posso, tenho que servir hoje. Meu amigo... O nome dele é Mark... Incinerou os pratos e explodiu o peru.
- Foi assim que ele conseguiu que você ficasse? Homem esperto.
- Não acho que ele tenha feito de propósito – falou Maggie, rindo. – Eu te amo, pai. Dê um beijo na mamãe por mim. E obrigada por ser tão compreensivo.

- Você parece feliz, querida – comentou ele. – Isso é uma graça maior para mim do que qualquer coisa."

Apesar de Mark estar namorando Shelby, e agora com Holly, ele está decidido a investir num relacionamento mais sério, já que a sobrinha precisa de uma presença feminina,  do que algum sentimento por Shelby, pois Mark é bastante cético em relação a sentimentos...

... Mas depois de encontrar Maggie, e principalmente do jeito dela com Holly, ficou um pouco  em relação o seu relacionamento.

A partir desse momento, tanto Mark quanto Maggie tentará reaver seus sentimentos e decisões tomadas anteriormente,  e tendo Holly como uma ligação, mesmo eles tentando negar, se tornará complicado ignorar os sentimentos.

Conclusão:

Sabe aquele livro fofo, natalino, e mesmo com poucas páginas, tem uma narrativa com todos os elementos equilibrados, personagens bem desenvolvidos, uma pitada de drama, um romance adorável e um bom humor????  Esse é Uma Chance para Recomeçar, como sempre impecável da autora Lisa Kleypas.


Esse livro faz parte de uma trilogia intitulada, Friday Harbor. O livro Uma Chance para Recomeçar  é uma espécie de prequel, pois segundo o site da autora é o primeiro livro, sendo que dois livros dessa trilogia são sobre os irmãos mais novos de Mark, Alex e Sam, o outro é de um tal de Jason que não apareceu nesse livro.




O filme tem alterações grandes em relação ao livro, eu gosto muito do filme, é igual o livro muito fofo, porém acho que certas coisas ficaram muito diferentes.

Trailer:

No livro a Maggie é loira e a Shelby é loira, no filme inverteram as características. Em relação ao Maggie tem outra diferença, no filme ela foi abandonada no altar, no livro ela é viúva, e também tem o Alex que no livro é arquiteto bem conceituado, no filme ele é biólogo. E Sam que é praticamente o segundo tutor de Holly, no filme está como sendo Alex que ela tem mais afinidade.

Clip 1:

Outras diferenças estão na troca da ordem das cenas, no livro certos acontecimentos foram antes, enquanto no filme aconteceram depois, e também tem algumas cenas completamente diferentes, e outras totalmente iguais. Realmente é uma adaptação já que teria que praticamente ter um narrador para descrever certos comportamentos dos personagens, então no contexto realmente o filme teve que alterar para quem estiver assistindo não ficar muito confuso.

Clip 2:

Para quem tem canais Telecine ele irá passar: Telecine Touch (Qui, 25/12 às 13:50) e no Telecine Pipoca (Sáb, 03/01 às 09:55)


5 comentários

  1. Feliz Natal!!!!! *o*

    Eu não conhecia o livro, tbm nunca ouvi fala do filme.... gostei da resenha, mas como não tenho certeza de ler o livro, vou tentar assistir ao filme hoje ou sabado!
    Já falei que adoro as imagens que vc pões com quotes? Ficam lindas demais!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  2. Eu achei esse livro super gracinha, foi meu encanto de Natal.
    Ainda quero assistir o filme, infelizmente o Telecine Touch não está na minha grade de canais pago (droga), fica para uma outra vez.

    Fofa sua resenha Patrícia, amei.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Adorei a resenha amiga e já reservei o filme para assistir neste sábado pela manhã...infelizmente neste dia 25/12 eu estava de plantão...sniffff!!

    ResponderExcluir
  4. Estou doida pra ler esse livro, curto muito história que se passa na época do Natal, nunca assistir esse filme.

    ResponderExcluir
  5. Ahhh gente, mesmo o Natal já tendo passado, assisti ao filme no Telecine Pipoca neste sábado de manhã e ele é muito fofinho!! Adorei!!

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário!