[RESENHA] Armas da Sedução - Série Homens Marcados #3 - Jay Crownover

segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Armas da Sedução
Jay Crownover
EDITORA V & R
I.S.B.N. 9788576839187
NÚMERO DE PÁGINAS 304


Sinopse: Cora Lewis é surpreendente. Essa fada punk é uma explosão de atitude e sensualidade. Rome Archer é a perfeita expressão da masculinidade. Seus fuzilantes olhos azuis fazem as mulheres perderem a cabeça. Ela quer um homem perfeito, mas ele está bem longe disso. Os dois são distintos demais para se darem bem. O mundo cinzento dele entra em guerra com todas as cores dela. As diferenças entre eles parecem insuperáveis, mas tudo pode mudar quando Cora é convocada para resgatar Rome.
MUITO BOM!!

Não tive como não emendar um livro da série Homens Marcados no outro! São realmente excelentes e Jay Crownover está conseguindo manter minha satisfação a cada livro.

Claro que eu AMEI o Jet, mesmo assim não tem como não cair de amores por este Gigante Gentil e Atormentado que simplesmente cai de para-quedas na vida da espevitada Cora.

Um soldado agora sem tropa e com dificuldade em se ajustar ao mundo real. Alguém que perdeu as referências e viu seu papel dentro de sua família mudar drasticamente após a revelação dos segredos de seu irmão Remy. Rome agora está em busca de uma luz no fim do túnel e uma fadinha punk rock como Cora.

Esta autora entrou fácil para a minha lista das 10 mais! Com uma escrita complemente viciante, Jay nos envolve no cotidiano dos personagens de um maneira tão intensa e comovente que a conexão com o livro é praticamente imediata.

Nos divertimos muito com suas tiradas cômicas, visto que todos dos personagens tem personalidades muito fortes, cativantes e no dia a dia a interação entre eles durante os capítulos rendem momentos muito divertidos, assim como apaixonantes!

Narrado em 1ª pessoa, vamos alternando entre os pontos de vista de Cora e Rome. E o jogo de luz e sombra entre os capítulos dela e dele (respectivamente) vão colorindo uma linda história de amor e superação.

Toda a parte do stress pós traumático de Rome também foi tratada com muita maestria e realmente fica evidente a bela pesquisa feita por Jay entre as pessoas que viveram situações parecidas e a dificuldade destes soldados ao tentar retomar a “normalidade” da vida cotidiana após os retornos do Afeganistão, Iraque e outros lugares onde sempre os EUA está metendo o bedelho.

Mas, embora eu tenha AMADO a Cora e sua personalidade, e sinceramente ela é de longe a mocinha mais fodona dos livros de Jay. Ainda assim, não consegui me apaixonar perdidamente por Rome. Não sei, tipo...adorei ele...mas acabei ficando ressentida com alguns mimimis dele.

Claro que toda a construção da trama nos faz entender os problemas dele, mas isso é uma coisa minha de não tolerar pessoas sucumbindo à fraqueza assim tão fácil entendem? Então mesmo que depois ele tenha dado um show, no início até fiquei com vontade de dar uns tapas nele pra voltar a ser macho e sair do buraco.

A capa ficou linda e a V&R está de parabéns por solucionar os problemas de tradução e revisão que encontramos no livro 1 (eu sei que estou guardando rancor, mas ainda não me conformo com as atrocidades cometidas na tradução de Rule).

E mesmo continuando com o meu mimimi de achar as capas originais muito mais bonitas, Armas da Sedução sem dúvida está entre as favoritas da minha estante.
Este é um livro lindo e extremamente romântico, a leitura é tão intensa que acabamos por devorar o livro em apenas algumas horas.

A série toda vale muito a pena e com certeza quero todos eles na minha estante.

Vou ficar aqui louca na expectativa esperando o livro do Nash que será o próximo!!


2 comentários

  1. Estou doida pra começa a ler essa série, curto muito esse gênero, parece bem emocionante e cada resenha que leio dos livros me deixa ainda mais ansiosa em conferi as histórias de cada um dos homens marcados.

    ResponderExcluir
  2. Já li esse livro, e o que posso dizer é que amei.
    Achei os personagens bem construídos, uma trama bem elaborada e uma leitura fluída e viciante. Até agora, meu preferido foi Ayden e Jet, mas estou mega ansiosa pelo livro do Nash... Esse promete.
    Essa série realmente me surpreendeu. Não pensei que fosse gostar tanto, hehehe.
    Abraço!

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário!