[ESPECIAL] DIAS EXTRAORDINÁRIOS - Extraordinário - @intrinseca

quarta-feira, 30 de março de 2016


Oi gente! Tudo bem com vocês? 

Então, hoje eu vim trazer uma novidade para vocês! Nos próximos 4 dias, aqui no blog, vocês irão entrar comigo em um mundo mágico e extraordinário. Serão 4 posts seguidos falando sobre o fantástico mundo de Auggie, o menino Extraordinário de R.J. Palacio, que, mesmo possuindo uma deformação no rosto, não deixa de ser ele mesmo.

Vamos começar nossos Dias Extraordinários com o livro de origem, com a resenha de Extraordinário:

 - - - -

Auggie Pullman pode até ser um garotinho normal. Mas fisicamente ele não é. O que ele tem? Todas as deformações possíveis no rosto. Seus olhos são caídos, suas orelhas quase inexistem, seus lábios mal sorriem, e tudo de pior que você possa imaginar.

Ele sempre estudou em casa, com sua mãe. Até que um dia, seus pais decidem que está na hora dele ir para uma escola de verdade. Ter amigos, professores e dever de casa. Isso não só parece, como é apavorante para um garotinho como Auggie. Mas ele aceita o desafio e entra no 4º ano da Beecher Prep

Charlotte, Jack Will e Julian (futuros colegas de Auggie) fazem parte do comitê de boas vindas do colégio. Mesmo assustados, os três apresentam toda a escola. E de todos, Jack Will é o único se torna um verdadeiro amigo para Auggie. Os outros alunos tem medo de sua fisionomia, e o chamam de Monstro (tem até uma parte que comparam ele ao Darth Sidius, de Star Wars - e isso foi de partir o coração!). Mas além de Jack Will, outra criança parece não ligar para sua aparência: Summer. A garotinha popular vira amiga do esquisito.

A amizade dos três é verdadeira, e é posta a prova quase diariamente. Jack Will, por ser amigo de Auggie, acaba sofrendo bullying junto com o menino. E uma guerra entre meninos na escola se forma: Julian x Auggie. Afinal, Julian é o menino mau da história.

Será que a amizade de Auggie e Jack sobreviverá às ameaças?
Como a escola vai lidar com tudo isso?
Como Auggie lida com toda a pressão diariamente?

- Qual é o seu personagem favorito? - perguntou o Julian;
Comecei a pensar que ele talvez não fosse tão ruim assim.
- O Jango Fett.
- E o Darth Sidious? - disse ele. - Você gosta dele?
[...]
Talvez ninguém tenha entendido a coisa do Darth Sidious, e talvez Julian não tivesse dizendo nada de mais. Mas em Star Wars Edpisódio III: A vingança dos Sith, o rosto de Darth Sidious é queimado pelos raios dos Sith e fica completamente deformado. A pele dele fica toda enrugada e a cara inteira meio que derrete.
Dei uma espiada na direção do Julian e ele estava olhando para mim. É, ele sabia o que estava falando.
Impossível não chorar e se emocionar com a vida de Auggie! Eu passei praticamente o livro todo com lágrimas nos olhos, de tanto que ele me toca! E me lembro que foi assim desde a primeira vez que li ele, lá em 2012. Mas uma coisa que eu não lembrava: Extraordinário tem muita coisa nerd no enredo (principalmente Star Wars! E detalhe: o Auggie tem uma trancinha Padawan <3)!

O Auggie tem tudo para ser depressivo e recluso, afinal, não é fácil ser encarado e julgado pelas pessoas o tempo inteiro por causa da sua doença, né? Mas ele não é depressivo, nem recluso. Ele se alegra com as pequenas coisas! Tá certo que as vezes ele se esconde, as vezes ele explode e as vezes ele tem raiva de si. Mas no geral, ele sabe – e já se acostumou – a lidar com sua situação.

Ele sabe, por exemplo, que não é fácil para sua irmã apresentá-lo aos amigos (ah, sim, ele tem uma irmã perfeitamente saudável chamada Via). Ele sabe e entende isso. E a ama mesmo assim. (E sim, tive raiva dela por ela pensar coisas feias sobre o irmão!).

Ao mesmo tempo em que acompanhamos a visão do Auggie, durante aquele primeiro ano fora de casa, sobre a escola e novos amigos, também temos capítulos que mostram a visão de outras pessoas a sua volta. São 6 visões diferentes ao longo do livro. Temos a visão da Via e do Jack Will, por exemplo, além da Summer e da Mirando, amiga da Via. Eles contam como é difícil e desafiador aceitar o Auggie, e fazer os outros o aceitarem também. Quem ajuda muito na inclusão do garoto é o Sr. Buzanfa, diretor da escola, e o professor Browne, com seus preceitos e suas redações. E quem mais prejudica tudo é Julian, e sua mãe (aquela louca, que me deu raiva e é o pior ser da Terra! Enfim...).

E falando no Julian... Crianças podem ser cruéis. E isso é bem abordado no livro! Tanto que eu fico com raiva desses serezinhos! Os alunos acabam praticamente bullying contra o Auggie, e são maus com ele que chega a dar dó. Mas toda ação tem sua consequência, então podem esperar que no final tudo se resolve.

O que mais aparece na história é basicamente “O rosto de Auggie não é tão ruim depois que você se acostuma”. Ou seja, as pessoas passam a enxergar o menino que ele é, e não seu rosto desconfigurado. Isso, definitivamente é o que devemos fazer: não julgar as pessoas por suas aparências! Aprendam isso, e sejam felizes.

Um livro sobre superação, amizade e bullying. Um livro que ao mesmo tempo é leve e profundo. Um livro que com certeza vai emocionar a todos, e que vai fazer você pensar duas vezes antes de olhar feio para alguém na rua.

Conheça já nosso garoto Extraordinário! 



- Mãe? Sempre vou ter que me preocupar com idiotas desse tipo? - perguntei. - Tipo, mesmo quando eu crescer, vai ser sempre assim?
- Sempre haverá idiotas no mundo, Auggie - falou, olhando para mim. - Mas seu pai e eu acreditamos, de verdade, que há mais pessoas boas do que más na Terra, e que as pessoas boas olham umas pelas outras, cuidam uma das outras. 

Excelente! Leia Agora!  


Me acompanhe nas redes sociais: facebook | instagram | skoob | twitter | Küsse leute :)

10 comentários

  1. Eu li esse livro Extraordinario, achei um lindo livro *-*
    tenho aqui aquele 365 dias extraordinarios, de vez em quando pego ele e dou umas lidas... rsrs
    Concordo esse é um livro leve, gostoso de ler, mas tb é profundo, te faz pensar em várias coisas, vale muito a pena ler esse livro !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É lindo mesmo né?
      Aliás, toda a coleção que a Intríseca lançou de Extraordinário é maravilhosa!
      O 365 dias extraordinários também é ótimo! Perfeito pro dia-a-dia

      Excluir
  2. Esse livro , melhor essa historia é tãooooooo linda,me fez enxergar crianças de uma maneira completamente diferente ! Eu tenho extraordinario e 365 dias ...estou morrendooooo de vontade do Auggie e Eu <3 PRECISO mto !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siiiiiiiiiiiiiim, linda demais!!!!
      Os três livros são maravilhosos! A Palacio criou um universo encantador ao redor de Auggie que todos deveriam conhecer <3

      Excluir
  3. To bem curiosa para ler esse livro, a cada resenha ou menção do livro já me bate aquela curiosidade que só. Gostei do post de saber um pouco mais sobre o livro, aguardo as postagens seguintes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nosso especial já acabou, mas a vontade de ler extraordinário não <3
      Espero que tu tenha acompanhado as postagens!

      E também espero que tu leia e goste da história :)

      Excluir
  4. Muito legal fazer esse especial, o livro Extraordinário é maravilhoso, história super emocionante e inesquecível!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!! Espero que vocês, leitores aqui do GMN, gostem bastante <3

      Excluir
  5. Oi nossa o livro parece ter bastante drama e mostra a realidade de muitas pessoas que sofrem bullying diariamente não é o tipo de livro que eu leio mas fiquei curiosa em relação a historia ja coloquei ele na minha lista d eleitura obrigada pela dica bjs.

    ResponderExcluir
  6. Já tinha ouvido falar muito deste livro, mas nunca parei pra ver sobre o que era, parece ser um livro muito bom e emocionante.

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário!