[RESENHA] A Oportunista - @Tarryn__Fisher - @FaroEditorial

domingo, 19 de junho de 2016

A Oportunista
Tarryn Fisher
Faro Editorial
ISBN: 9788562409615
Nro. Páginas: 256
Sinopse: A busca pelo grande amor pode te levar longe demais… Olivia acredita ter encontrado o grande amor da sua vida. Mas, por conta de alguns desencontros, o perdeu. No entanto, certo dia, ela reencontra o ex-namorado, Caleb Drake, e descobre que ele perdeu a memória. Eis uma nova chance! Até descobrir que outra mulher já o encontrou. Será uma nova oportunidade para ser feliz ou um jogo que a faz acreditar que seus sentimentos são especiais? Para encobrir as consequências de suas mentiras, Olivia cria uma teia de novos eventos, o que pode levá-la a descobrir que sua busca pelo amor talvez a tenha feito ultrapassar limites muito perigosos.Um triângulo amoroso muito diferente do que você já viu!



Virei a última página de A Oportunista durante a madrugada. E praticamente não consegui dormir depois disso.

Claro que eu conheço Tarryn Fisher e sua fama de Evil Queen Literária, mas nada poderia me preparar para esta montanha russa emocional de amor, obsessão e um ódio tão visceral por situações e personagens que praticamente me corroeu durante a leitura.
Narrado em 1ª pessoa, embarcamos no amor egoísta, manipulador e tóxico entre Olívia Kaspen e Caleb Drake. Uma relação tão bela e viciante e o mesmo tempo tão errada em diversos aspectos, fazendo um cabo de guerra constante entre o coração dela e sua consciência.
Eu enrubesço e decido que jamais contarei a verdade à ele. Mais cedo ou mais tarde ele irá se lembrar e essa farsa toda irá desmoronar a minha volta como um castelo de cartas ao vento. Por enquanto, eu o tenho de volta e vou me agarrar a esta situação até o último momento.
Um amor epicamente trágico para todos os envolvidos, principalmente para nós leitores. E, assim como Caleb é o vício ao qual Olívia nunca consegue abandonar, A Oportunista é absorvido de tal forma por nossa corrente sanguínea durante a leitura, que acaba se tornando rapidamente a nossa mais nova obsessão, um vício incapaz de ser apaziguado. Quanto mais eu lia, mais aumentava a sensação de inquietação e eu não conseguia ter o bastante deste livro e nem de seus personagens tão inquietantes.

Tarryn foi simplesmente brilhante desnudando o amor e mostrando de uma maneira muito crua e sincera até que ponto podemos chegar em nome dele. O quê em alguns momentos somos capazes de fazer ou abandonar em nome deste sentimento que muitas vezes nem nos damos conta de como verdadeiramente ele é, ou como ele deveria ser.
Se essa obsessão tomava conta de mim agora, o que aconteceria se eu realmente o tivesse? Eu ficaria tão extasiada por estar com Caleb que o simples fato de ser sua namorada satisfaria todas as necessidades da minha existência? Isso significaria seguir os passos de minha mãe e ela havia me alertado quanto aos riscos que uma mulher corre quando se apaixona por um homem antes de realizar seus sonhos.
A Oportunista não é um romance de mulherzinha onde tudo são corações e flores, é uma narrativa completamente transparente sobre até onde uma pessoa é capaz de chegar por amor. Nossa... em diversos momentos eu cheguei a ficar agoniada com as atitudes de Olívia, mas principalmente com a falta de caráter de Leah. Tarryn conseguiu criar personagens tão complexos que fica impossível para o leitor escolher um lado. Muitas vezes me peguei torcendo por Olívia, mas em outras não conseguia acreditar na baixeza de suas ações.
Leah por outro lado só teve meu ódio canalizado, visto que suas garras pra cima de Caleb me irritaram profundamente. 

E é claro que tem o Caleb nesta história toda. Gente, ainda não sei o quê pensar sobre ele, a autora vai alternando a narrativa entre o passado quando ele e Olívia se conheceram na Faculdade e iniciaram sua história e o agora após tudo ter desmoronado e ele ter perdido a memória.

Durante os flashbacks Caleb é um Príncipe perfeito! Lindo, encantador, altruísta e romântico, o melhor namorado literário que poderíamos encontrar, mas em diversos momentos no presente, não sei, algo soa extremamente falso. 
Embora continue sendo impossível não se apaixonar por ele e seu charme em qualquer situação, são nos pequenos detalhes que acabamos ficando sempre com um pé atrás em relação à ele. Não sei...mas tem alguma coisa muito errada com a perfeição em forma de homem por quem Olívia e Leah são capazes de roubar, mentir, manipular sem o mínimo remorso para garanti-lo ao seu lado.
"Proteja o seu coração, para que não acabe partido como o meu", minha mãe sempre me dizia.
O final deste livro me deixou sem palavras e sem chão. Não acredito em como terminou e estou morrendo de ansiedade para ver o ponto de vista de Leah em A Perversa e depois finalmente sacar qual é a do Caleb em O Impostor.

A Faro Editorial fez um trabalho magnífico com esta série. As capas estão belíssimas e a qualidade do material empregado nesta edição de A Oportunista está fantástico. Folhas grossas de papel de altíssima qualidade, aliados com um trabalho gráfico, tradução e revisão perfeitos valorizaram muito a obra de Tarryn Fisher. Este livro é leitura obrigatória para quem adora um livro desafiador e definitivamente busca um romance que sacuda seus horizontes literários e lhes tire da zona de conforto durante a leitura!

Compre Agora!!


[PRÉ-VENDA] A Perversa - Tarryn Fisher - Faro Editorial
Previsão: 12/07/2016Compre: http://bit.ly/28PgUVrSinopse: Leah Smith conquistou aquele que considera o “homem da sua vida”, mas não está completamente feliz. E decide ir até as últimas consequências para manter unidos os pedaços de uma vida construída por segredos, mentiras e trapaças. E, quem sabe, amor. Mas não é assim que devemos fazer para lutar por quem amamos?

17 comentários

  1. Oi, Scheila!
    Não costumo me interessar por tramas onde os personagens principais são heróis-vilões, por causa disso não me interessei por A oportunista, a atitude da Olívia em relação ao Caleb não é algo que eu aprove nos livros, sem falar nesse amor egoísta, prefiro mil vezes meus romances de mulherzinhas rsrs.
    Bjos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Any... tb penso desta forma, mas por algum motivo comprei esse livro é tenho que te dizer uma coisa... Há algo mágico na escrita da Tarryn pois voce se pega ignorando seus erros e torcendo pela felicidade deles, pois há toda uma carga emocional da infância da personagem principal... Enfim, é estranho mas é bom... kkkk

      Excluir
  2. Eu estou com bastante vontade de ler esse livro. Eu li Nunca Jamais que também é da autora e amei. Já estou com ele aqui em casa pra ler, assim que eu terminar o livro Meu Querido Meio-Irmão (que eu estou lendo por indicação sua haha), eu já vou pegar A Oportunista pra começar a ler. Pelo jeito a autora fez um ótimo trabalho com esse livro, e os personagens parecem ser bem complexos mesmo.
    Eu espero gostar desse livro tanto quanto você :)

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Já estava bastante interessada em ler esse livro só pela sinopse, e agora depois de ver essa resenha fiquei ainda mais ansiosa em conferi essa história que parece mesmo ser excelente!

    ResponderExcluir
  4. A Faro fez um trabalho muito lindo realmente e as capas estão arrasando, mas como esse é o primeiro lançamento e o livro tem continuações, vou aguardar os outros lançamentos e ver resenhas pra decidir se embarco nessa história, o caráter duvidoso da Olivia e da Leah que fazem de tudo pelo Caleb tem me deixado na dúvida, mas vou pesquisar mais e ver resenhas pra decidir se leio ou não o livro. :D

    ResponderExcluir
  5. Mto interessante.
    Fiquei com vontade de ler.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Olha, uma namorada manipuladora e obcecada por outra perversa, só digo que Caleb vai de mal a pior nas escolhas. Fiquei bem curiosa com a resenha. Parabéns!

    ResponderExcluir
  7. Não tinha pensado muito em ler quando vi, não animei. Mas estou pensando em pegar quando tiver o último lançado. Ele tem uma história que pelas resenhas parece ser bem mais do que pensei que seria, me convenceu. Ainda mais se for do tipo que você não consegue parar de ler querendo saber o que acontece e quando termina ainda deseja mais. Será que vale tanto a pena assim? Pois quero saber! Aguardando agora as resenhas dos outros pra ver se são bons mesmo.

    ResponderExcluir
  8. Eu acho a premissa bem interessante, mas eu não sinto aquela enorme vontade de lê-lo. Mas depois de ler algumas resenhas sobre esse livro (a sua também contribui pra isso) e de ouvir comentários de como ele é maravilhoso, confesso que estou começando a ficar curiosa. Vou esperar a trilogia ser lançada logo toda pra eu poder dicidir :/ beijo!

    ResponderExcluir
  9. Oi Scheila!
    É uma luta tentar dormir depois dessa leitura né?! É um tipo de leitura que não sai da nossa cabeça. Fiquei de ressaca depois. Esse livro é intenso e me arrebatou completamente. Não existe mocinhas frágeis e inocentes aqui. Fiquei chocada com as atitudes da Olívia, mas mesmo assim me peguei torcendo por ela. Agora o que falar da Leah? Pior cadela literária até o momento. Tive tanta vontade de esganá-la... Achei muito interessante a narrativa ter alternado entre o passado e o futuro. Amei o Caleb e acho que nenhuma das duas o merecia de fato.
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vontade de arrancar os cabelos da Leah, mas você sabe que o Caleb é bom demais pra ser verdade né? Tem que ter alguma coisa errada com ele. Ninguém é tão lindo e boa gente assim, ainda mais depois do que estas duas fizeram pra agarrar o corpinho dele. Aí tem!!

      Excluir
  10. Adorei o enredo do livro.
    "Romances de mulherzinha" não são bem meu paraíso literário, então não costumo ler livros desse gênero.
    Mas o enredo, sinopse e sua resenha me arrebataram em relação a essa obra da Fisher. Ter um "anti-herói" em uma obra literária parece magnífico.
    Vou procurar saber mais sobre o livro.

    ResponderExcluir
  11. Não esperava nada do livro, mas que surpresa! parece que surpreender os leitores e o deixem querendo mais (sorte que tem a continuação) gosto de livros que envolvem o leitor e nos deixem sofrendo pelos personagens, quero saber mais sobre este relacionamento abusivo que te causou ódio, gosto quando começo a torcer por um personagem, fiquei surpresa com todas as qualidades descritas da narrativa da autora, espero muito do livro

    ResponderExcluir
  12. Eu ameeei esse livro! Eu já achava que ia gostar dele, mas ele foi ainda melhor do que eu esperava. Amei o enredo construído, e gostei muito dos personagens. Quando eu acabei esse livro, fiquei 3 dias sem conseguir ler mais nada hahaha Preciso desesperadamente do próximo livro *u*

    Bjss ^^

    ResponderExcluir
  13. Oiiee, tudo bom?
    Essa é a segunda resenha que vejo do livro, e estou super curiosa para ler ele, pois só vejo elogios, e acharia bem legal ler um livro que não seja de mulherzinha, apesar de que eu amo esses livros de mulherzinha hahahaha espero poder ler A Oportunista em breve e poder ver do que nossos personagens são capazes por amor.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  14. Ótima resenha! Confesso que não sou muito fã de triangulos amorosos. Mas sobre A Oportunista eu só vejo elogios, que até me fazem até querer dá uma chance ao livro!

    ResponderExcluir
  15. "Um triângulo amoroso muito diferente do que você já viu" foi a frase que fez eu despertar meu interesse no livro. Já li vários triângulos amorosos, mas acho que esse vai superar todos. Assim que sair o terceiro livro, vou ler sem dúvidas.

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário!