[RESENHA] TUDO POR AMOR (SEGUNDAS OPORTUNIDADES #2) - JUDITH MCNAUGHT

quarta-feira, 4 de janeiro de 2017



Título Original: Perfect
Tradutor: Mariana de Moura Coelho
EAN: 9788528620689
Gênero: romance estrangeiro
Páginas: 602
Formato: 16 x 23 x 3,5 cm
Editora: Bertrand Brasil

Sinopse: O aguardado romance de uma das maiores autoras do gênero...

Professora respeitada em sua pequena cidade no Texas, Julie Mathison vive apaixonadamente seus ideais. Criada num lar adotivo, a jovem sente-se determinada a retribuir todo o amor e a bondade recebidos. Nada, nem ninguém, seria capaz de destruir a vida perfeita que havia alcançado. Depois de fugir da prisão, Zachary Benedict, um ex-ator e diretor que teve a vida e a carreira destruídas após ser equivocadamente condenado pela morte da mulher, sequestra Julie e a força a levá-lo a seu esconderijo nas montanhas do Colorado. Nenhum dos dois poderia imaginar que estariam embarcando na viagem de suas vidas...



Sou fã incondicional da autora Judith McNaught, tanto dos seus romances contemporâneos quanto dos seus romances de época, mas esta é a primeira resenha que escrevo de um livro da autora, então aguentem minhas palavras excessivamente apaixonadas.


Judith McNaught teve seus livros publicados no Brasil nos meados dos anos 90, no total foram 11 livros publicados no Brasil, infelizmente as duas séries de época foram publicados 4 livros, infelizmente incompletas, faltando um livro de cada (espero que a editora repare esse problema rsrsrsrs), os outros 7 foram do gênero contemporâneo, sendo que 3 livros únicos, 4 da série Segundas Oportunidades, sendo que Tudo por Amor, o livro da resenha de hoje, é o segundo livro desta série.


A autora tem como marca registrada suas histórias cheias de reviravoltas nas relações dos personagens, posso dizer que apesar de serem livros com finais felizes, e utilizando uma expressão deste livro, posso dizer que Judith McNaught, nos faz sentir um “ioiô emocional” com seus personagens contraditórios, contextos turbulentos, momentos emocionantes, e acima de tudo verdadeiramente românticos, impossível terminar de ler Tudo por Amor, e em seguida esquecer-se da história, ela irá te acompanhar por algum tempo, e prepare-se Tia Ju (sou íntima, ok?!?!?!?) te fará perder o sono no decorrer da leitura.


Tudo por Amor é o segundo livro da série Segundas Oportunidades, o título da série já nos dá uma pista do contexto do livro, os personagens terão outra chance de ser feliz. E o que acontece com que o protagonista masculino Zachary Benedict, nascido em uma família rica, perdeu tudo quando tinha 18 anos, sua vó o expulsou de casa apenas com a roupa do corpo, o acusando de ter sido responsável pela morte do irmão mais velho. Doze anos se passaram, e Zack é um astro de Hollywood, que além de ator é agora diretor de cinema, com uma carreira sólida, também é um homem muito atraente e indecente rico, desfruta dos privilégios da indústria cinematográfica, mas todos os percalços o tornaram cínico, frio e infeliz.

Zack ainda tinha esperança de conseguir a felicidade de construir uma família com a atriz Rachel Evans, mas foi enganado duplamente, primeiro tudo que Rachel queria na verdade era sua carreira à custa de Zack, e quando ele percebeu já era tarde, estava casado com uma mulher calculista e ambiciosa, e para piorar a situação, o estava traindo com um dos atores do filme que Zack estava dirigindo.


E se acham que a situação não podia ficar pior... Rachel, foi alvejada durante a gravação do filme que ele dirigia. Ele se tornou um suspeito fácil, já que a reação do Zack ao descobrir a traição não foi das melhores, e ainda a cena que ocorreu o acidente foi modificada por ele no momento da gravação, a combinação dos dois acontecimentos o fez Zack o principal suspeito, condenado por 45 anos de prisão. Mas após 5 anos de prisão, Zack decidi fugir...
Em outro lugar, Julia Smith, órfã que vive pulando de lar em lar adotivo, durante um tempo teve diversos problemas de saúde que dificultou seu aprendizado, e com 11 anos ainda não sabe ler, já se meteu em várias encrencas, uma personalidade forte, inteligente e extremamente carente, mesmo que ela não admita, porém sua vida irá se transformar, quando a dra. Vilmer que gerencia um programa experimental para jovens delinquentes enxergou o potencial de Julie Smith. 

Agora Julie Mathison, uma mulher adulta professora de um colégio em Keaton, interior do Texas, completamente o oposto da criança orfã, há 15 anos atrás foi adotada pela família do reverendo Mathison, Julia ganhou dois irmãos (Ted e Carl), e uma mãe amorosa, onde aprendeu a ler e a escrever e se sentir amada, e onde é verdadeiramente feliz.
Julie vive uma vida pacata, que divide entre alunos do ensino médio, e mulheres adultas analfabetas, onde Julie proporciona uma nova vida para elas através do aprendizado para ler e escrever. Uma ressalva nessa parte, esse programa verdadeiramente existe nos Estados Unidos, e citado pela autora no final do livro, "Alfabetização. Passe adianta.", um programa direcionado para mulheres.
Mas a vida de Julie terá uma reviravolta, devido seu enorme coração e também por agradecimento decide dar uma carona para um estranho que a ajudou a trocar o pneu furado do carro, este estranho nada mais é Zack, fugitivo do presídio de Amarillo.

Na adolescência tanto Julie quanto os irmãos, eram apaixonados pelo astro Zack, mas desde que ele foi preso, e agora conhecendo na atual situação, os atritos tornam-se cada vez mais frequente, no decorrer da viagem, depois de algumas tentativas de fuga de Julie, eles chegam em uma cabana nas montanhas frias do Colorado.

Um lugar romântico e bucólico, um homem irresistível e uma mulher atraente  somente os dois com um monte de neve em volta... um tempo enorme para se conhecerem melhor...

E realmente isso acaba acontecendo, Zack mesmo cínico, fica encantado com a ingenuidade, simplicidade e transparência de Julie, enquanto ela enxerga algo que mesmo Zack esqueceu que ainda existia nele, sentimentos amorosos por alguém.

Julie e Zack se desconstruiram e construiam um ao outro, Zack conseguiu se abrir e mostrar o verdadeiro homem atrás do grande ator, e Julie se redescobriu como mulher, por querer ser um modelo de perfeição para os pais adotivos, ela esqueceu de viver um pouco para ser completamente feliz. Ao mesmo tempo que Julie mesmo não conhecendo totalmente, acreditou na inocência dele, e isso o emocionou, já que Zack foi ignorado por todas as pessoas que tiveram ao lado dele.
Todos esses momentos de Zack e Julie que vão desde do humor dos diálogos até os momentos de romance sensual, foram ambientados por músicas, vários sucessos românticos dos anos 90 (que está no final da resenha a lista de todas as músicas), o que deu um clima completamente romântico a cada cena.

Mas o momentos idílico teria que acabar, Zack precisa fugir para buscar informações do verdadeiro assassino de sua ex-esposa, enquanto Julie teria que voltar a sua vida perfeita, que depois de conhecer o Zack talvez não fique tão perfeita. Julie e Zack se apaixonaram, porém no momento ele não pode ter uma pessoa como ela ao seu lado até provar sua inocência.

Quando Julie volta para sua cidade, sua vida fica em polvorosa, sendo interrogada pelo FBI, principalmente pelo detetive Richardson, que acaba se apaixonando por Julie, mas ela está completamente envolvida por Zack, mesmo decepcionada pelas últimas palavras dele, ela ainda acredita que ele irá procurá-la.

Paralela a história de Zack e Julie, acontece uma reconstrução da relação de outro casal, o irmão de Julie, Ted e sua ex-esposa Katherine, um casamento que fracassou, mas que os sentimentos não acabaram, mesmo com as rusgas entre casal, iremos ver o casal tentando reconstruir a relação, mas da parte de Kate, que se culpa pelo fracasso do casamento.
E para quem leu Em Busca do Paraíso, e se apaixonou pelo casal, os mesmo aparecem neste livro, Matt Farrell é um grande amigo de Zack, e o único que ficou ao seu lado durante esse tempo todo, durante a época que Zack esteve preso, desenrolou a história do livro Em Busca do Paraíso quando Matt e Meredith tem sua segunda chance. Então dá para matar saudades do casal.

O casal que será a ligação de Zack com Julie, depois de uma carta maravilhosa de Zack (essa carta... suspiros), Julie decide reencontrá-lo para ficarem juntos, mesmo que seja para ficar escondida e fugindo junto com Zack.

Porém depois de uma visita a avó de Zack, sra. Stanhope, e outros acontecimentos que contribuíram para que Julie duvidasse da inocência de Zack. E com isso os dias de liberdade talvez estejam contados... E mesmo Julie não sendo diretamente culpada, e sim um grande mal entendido, será que poderá haver perdão e uma nova chance para ambos...
Concluindo...

Disse anteriormente Judith McNaught é mestra em manipular nosso emocional, não tem um livro da autora, que não pare em uma certa parte, e respire para poder continuar... porque ela nos faz viver a história dos personagens intensamente, e quando digo intensamente, é praticamente entrarmos dentro do livro, muitas vezes sendo personagens, ou apenas ficar na torcida pelos personagens.

Até hoje não li nenhuma livro da Tia Ju, que não ocorreu nenhuma das situações citadas no parágrafo acima. Os personagens dela são bem construídos emocionalmente, todo o contexto do livro é recheado de reviravoltas, segredos que serão revelados em momentos certos, que enche o leitor de expectativa e apreensão, e mesmo você sabendo que terá um final feliz, ela consegue de ludibriar fazendo você poder em dúvida a felicidade do casal.

Tem várias autoras que amo, mas Judith McNaught tem um característica especial, de surpreender... mesmo você sabendo que irá passar uma revolução emocional, ela consegue modificar algumas coisas, e a história se torna única e original. Os casais são surpreendentes, as narrativas são magníficas e o clima de romances inesquecível.
Quem ama um bom romance, uma vez na vida tem que ler Judith McNaught, e mesmo você não lendo Em Busca do Paraíso, não compromete a leitura de Tudo por Amor. Se ainda não leu, leia... e duvido que na metade do livro para o final, você para de ler e diga: "Vou matar essa autora por ter feito isso", e nos final do livro diga: "Amo essa autora por me proporcionar uma história maravilhosa".


* Algumas pessoas consideram Dois Pesos e Duas Medidas como o quinto livro da série, mas particularmente acho que são somente os quatro.

No decorrer da leitura vocês irão encontrar alguns momentos dos personagens são passados ao som de alguma música citada por um deles, e no livro além de citá-las a autora coloca até trechos de algumas destas músicas (estão abaixo do player já traduzidos), abaixo no player do youtube, vocês poderão escutar as 6 músicas citadas no livro, as músicas estão listadas pela ordem que aparecem no livro, eu infelizmente tinha que refazer a leitura para escutar a música e o trecho referido a ela, e fica bem mais inspirador...







1 comentários

  1. Patrícia!
    Me senti o próprio ioiô só com sua resenha e fiquei imaginando quando conseguirei ler esse livro fabuloso..
    É muito babado que rola e espero que no final Zack consiga provar sua inocência e consiga ser feliz ao lado de Julie!
    Também com uma playlist dessa regando o romance, não tem quem aguente, né?
    Adorei!
    “Qualquer situação na qual você se encontre é um reflexo exterior do seu estado interior de existência.” (El Morya)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de JANEIRO dos nacionais, livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário!