[RESENHA] Alucinadamente Feliz - Jenny Lawson - @intrinseca

sexta-feira, 28 de abril de 2017



Alucinadamente Feliz é uma biografia um pouco diferente das que estamos acostumados. Jenny Lawson sofre de diversos transtornos mentais, inclusive de depressão, mas ela decide que precisa viver a vida da melhor maneira possível, sempre buscando o bom humor, somos então apresentados a forma alucinadamente feliz que a autoria encontrou para superar cada dia. Assim, ela compartilha com seus leitores a sua história e intimidades com muita naturalidade e até simplicidade.

Não se engane se você espera só histórias engraçadas. Afinal, a vida de ninguém é perfeita. Existem trechos pesados e tristes no livro - assim como trechos extremamente divertidos e cômicos -, mas a forma como Jenny escreve torna tudo mais leve, sem tirar a seriedade e sem deixar de lado o bom humor.

A narrativa funciona como um diário, onde a autora conversa conosco e compartilha seus relatos diários, mesmo que não sejam de forma linear. Consultas com psiquiatra, encontros, passeios, pensamentos e desejos são alguns dos temas encontrados aqui. E falando em não ser linear, algumas histórias invadem a “área” da outra. As vezes Jenny começa em uma, e termina em outra, mostrando o turbilhão que funciona sua mente. 


Preciso confessar que, quando eu tive o primeiro contato com esse livro, lá na Turnê Intríseca de 2016, eu fiquei desesperada para ler ele. Pois dois motivos: 1) eu amei enlouquecidamente essa capa holográfica (!!!) e 2) eu amei a sinopse da história meio muito louca de Jenny. Mas, o que aconteceu foi que: com o livro em mãos a história foi outra. Eu comecei a ler, mas não estava curtindo muito a leitura, e por isso deixei ele de lado. Aquele não era meu momento. Dei uma nova chance, passando o ponto de lentidão que eu tinha na história (mais ou menos os 3 primeiros capítulos) e bum! Me agarrei nele e não larguei mais.

Jenny define o livro como "um livro engraçado sobre coisas horríveis", e minha gente, confiem na mulher. É realmente engraçado em muitas situações, inclusive naquelas em que não podemos (nem deveríamos!) achar graça.

Acho extremamente importante a construção desse livro, pelo fato de que, quando compartilhamos nossos dramas e passagens, mostrando que apesar de tudo, conseguimos seguir em frente, outras pessoas se sentirão encorajadas e confiantes a fazer o mesmo, indo atrás de suas felicidades. Pode ser um livro que demore a engrenar para muitos, assim como aconteceu comigo, mas eu garanto que a leitura dele é essencial e deve ser apreciada por todos.

Só para aguçar vocês: o mascote da capa existe de verdade, e bem, a história dele é bem engraçada!


 
Boa Leitura
Alucinadamente Feliz | Jenny Lawson 
ISBN: 9788580579314 | Ano: 2016 | Páginas: 352 | Editora: Intrínseca | Adaptação cinematográfica: Não  





 Me acompanhe nas redes sociais: facebook | instagram | skoob | twitter

1 comentários

  1. De fato, a capa tá maravilhoooooosa, foi a primeira coisa que me instigou, antes mesmo de saber do que se tratava!
    QUando soube que falava de depressão de uma forma leve e até cômica, eu soube que precisava lê-lo. Adorei saber que ele é escrito em forma de diário e que há momentos tristes, embora a autora saiba como manter até mesmo esses momentos mais descontraídos.
    Vou passar esse lindinho na frente da fila ♥

    Beijos!

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário!