[RESENHA] CINDER & ELLA - Kelly Oram - @editorapandorga

terça-feira, 18 de abril de 2017

CINDER ELLA
Autora: Kelly Oram
Editora: Pandorga
I.S.B.N.: 9788584421633
PÁGINAS: 304

Compre AQUI!
Sinopse: Faz quase um ano que Ella Rodriguez, 18, esteve em um acidente de carro que a deixou aleijada, com cicatrizes e sem a mãe. Após uma recuperação difícil, ela foi obrigada a atravessar o país para viver com o pai que a abandonou quando era uma criança. Se ela quiser escapar de seu pai e de sua horrível família adotiva, ela precisa convencer os doutores de que é capaz, física e emocionalmente, de viver sozinha. O problema é que ela ainda não está pronta. O único modo de se curar é se reconectar com a única pessoa no mundo que ainda significa algo para ela: seu melhor amigo anônimo, Cinder. Brian Oliver é a sensação de Hollywood e tem a fama de sempre causar problemas. Existem muitos rumores sobre sua participação no filme O príncipe druída, mas seus assessores dizem que o único modo de passar de adolescente sedutor para ator da lista A é mostrar que seus dias de selvageria ficaram para trás e que agora ele amadureceu. Para aplacar os comentários sobre a reputação de bad-boy, seu assessor arranja um casamento falso com a coadjuvante Kaylee. Brian não está animado com a noiva falsa ou o casamento, mas ele fará qualquer coisa para conseguir sua nomeação ao oscar. Até que o e-mail de uma antiga amiga da internet muda tudo.
Eu li este livro duas vezes. Uma no final do ano passado e outra recentemente quando adquiri meu exemplar em português. Ri, amei, sofri e chorei horrores nas duas.
Amo este livro e acho que não importa quantas vezes mais eu leia, sempre vou curtir cada página e me emocionar.





Quando vi que a Pandorga iria lançar no Brasil este livro, fiquei mais curiosa ainda sobre ele, visto que eu já havia visto vários burburinhos dos grupos de leitores lá de fora. O bom de se ter um Kindle e participar desses grupos é que sempre sabemos quando ebooks maravilindos como este entram em promoção grátis ou por centavos de dólar, aí é fechar os olhos e ser feliz. E, mesmo dotada deste meu inglês tacanho, Cinder e Ella já me conquistou desde o primeiro capítulo e com certeza esta é uma das histórias mais doces que tive a oportunidade de ler até agora.

Ella é uma menina muito inteligente e apaixonada por livros. Sua paixão pela leitura é o combustível para seus sonhos e seu blog literário. Foi através dessa paixão incomum que ela, Ellamara, nome de uma poderosa sacerdotisa de uma das séries mais cultuadas do momento, conheceu Cinder, como o herói da mesma série de livros, leitor voraz apaixonado pela trama, seu melhor amigo, crush platônico e (sem ela saber) pseudônimo do ator sensação queridinho da América, Brian Oliver.

A simplicidade e o anonimato da amizade virtual permitia à ambos serem eles mesmos. Sem pressão. Sem expectativas. Apenas dois jovens apaixonados por livros, trocando idéias e dividindo paixões. E mesmo que lá no fundo ambos se perguntem como seria ter um ao outro pessoalmente em suas vidas, nenhum deles estava disposto a arriscar o que já possuíam.

A vida de Ella dá uma reviravolta completa quando um acidente terrível marca para sempre sua vida, seu corpo e seu coração.

A forma como Kelly Oram nos toca com o sofrimento e principalmente a superação de Ella para lidar com suas limitações, suas dores físicas e psicológicas, assim como o novo ambiente ostil ao qual foi inserida sem aviso, definitivamente faz o leitor encarnar na pele da personagem. Viver cada dia dolorosamente, mas também descobrir junto com ela as pequenas grandes alegrias que ainda encontramos na vida e os caminhos para a cura do trauma e da solidão.

Embora seja um YA, este livro não tem nada de bobinho e a autora conseguiu tratar de forma muito crua questões sérias como bullying, depressão, relações familiares e a importância de uma rede de apoio com amizade e amor.

Narrado em primeira pessoa alternando entre os pontos de vista de Ella e Cinder/Brian, vamos acompanhando o dia a dia destas duas pessoas tão diferente, mas ao mesmo tempo com tanto em comum. Kelly nos surpreende com a densidade da personalidade de cada um deles, até os personagens secundários são maravilhosos, complexos e complementam a trama brilhantemente.

Como o próprio nome já sugere, Cinder e Ella é um releitura do conto de fadas, então meio que já imaginamos como termina né? Mas a jornada até o final feliz é tão cativante, tão intensa e tão viciante que fica impossível o leitor se desprender depois do termino.

Do início ao fim, nosso coração é literalmente roubado por esta autora tão talentosa e seus personagens tão cativantes.



Um livro lindo do início ao fim e embora não seja tão leve em diversos momentos, pois sim, te arranca muitas lágrimas, é uma leitura maravilhosa e que acaba sendo aquele tipo de livro que mesmo daqui a alguns anos, sempre lembraremos da leitura por sua doçura e sensibilidade.
ADOREI!!!

0 comentários

Postar um comentário

Deixe seu Comentário!