[RESENHA] Marca da Destruição - Sylvia Day - @FaroEditorial

quinta-feira, 18 de maio de 2017

MARCA DA
DESTRUIÇÃO
SYLVIA DAY

I.S.B.N.: 9788562409585
Páginas: 336
FARO EDITORIAL
COMPRE:
Sinopse: Apos receber a Marca e se tornar uma caçadora de demônios, Eva e Caim se apaixonam e começam a experimentar a transição do desejo insaciável para algo mais profundo. O corpo de Eva esta se adaptando a Marca, gerando uma incontrolável sede por sangue e outras tentações, que começam, a arrastá-la para uma via de luxuria sem limites.

Já disse para vocês o quanto esta série me arrebatou já no primeiro livro, né?

Marca da Destruição começa um pouco mais lento, Sylvia consegue literalmente prender o leitor e nos amarrar à trama. Depois de ser marcada e cair de paraquedas no meio da guerra eterna entre o bem e o mal, agora Eva precisa aprender e se preparar para o pior. Habilidade ela já tem, mas agora a técnica irá lhe dar a confiança que ela precisa para enfrentar qualquer desafio, ou será ela quem irá ensinar um truque ou dois nessa cadeia de comando?

Enquanto em Marca da Escuridão acompanhamos Eva em sua paixão avassaladora por Caim, lutando contra o submundo, mas principalmente com a indignação de perder sua vida e sua identidade sendo recrutada para as fileiras dos marcados, agora ela luta contra a insegurança de não saber qual o seu real lugar nas tropas.

Eva é esperta, sagaz e muito inteligente, mas ainda não é uma guerreira. Aos poucos ela vai percebendo que ainda há muito trabalho à fazer, mesmo assim, também tem aquele sexto sentido de que alguma coisa ainda está desconexa, mesmo no turbilhão em que se encontra sua vida.

Novos problemas, novos fatos, novas intrigas e principalmente novas reviravoltas do destino. Enquanto o primeiro livro foi um turbilhão de ação, Marca da Destruição é uma intrincada trama, costurada com muitas possibilidades e sobre tudo muitas artimanhas tanto do lado do time de cima, quanto da galera do submundo.




Sylvia Day nos mergulha em um delicioso jogo de estratégia onde juntamente com Eva, Caim e Abel, vamos aos poucos captando algumas peças do quebra-cabeças. Muitos interesses estão em jogo e para alguns Eva é uma aposta, para outros um peão, mas ainda à aqueles em ela servirá como cavalo de Tróia.

A única certeza na vida de Eva neste momento é Caim, mas com o afastamento e novos acontecimentos, nem o amor está garantido. Abel pode ser um aliado, ou somente estará usando sua aproximação para atingir o irmão?

Gente, eu fui praticamente consumida por este livro.

São tantas hipóteses, cada hora aparece um fato novo e quando a gente acha que a trama está se encaminhando para um lado, tia Sylvia vai lá dar um sacode novamente e deixa tanto Eva, quanto nós sem chão durante a leitura.

O livro é super bem escrito e instigante. Cada novo capítulo embarcamos cada vez mais no treinamento de Eva, mas também em sua veia investigativa. Juntos vamos coletando dados e conjecturando hipóteses, em diversos momento me senti um integrante super ativo dos marcados, inclusive tentando dar conselhos à Eva...kkkkk

E embora Sylvia tenha deixado um pouco de lado as cenas hots, ainda assim o livro continua muito sexy e os personagens adicionados prometem grandes reviravoltas, assim como alguns embates sexuais muito interessantes no futuro.

Como disse anteriormente, por se tratar de mais estratégia e investigação, a narrativa deste livro acabou se tornando um pouco mais lenta, pois estávamos acostumados às batalhas e fugas do anterior. Mas a reviravolta final foi de tirar o fôlego...sabem uma panela de pressão que vai cozinhando e de repente explode???? BUMMMMM!!!! 

Abaixa que é tiro!!! E Eva está detonando geral!!

Marca da Destruição vai cozinhando as tretas até explodir, e quando isso acontece, é simplesmente alucinante! Deixando o leitor literalmente maluco para ler Marca do Caos.

0 comentários

Postar um comentário

Deixe seu Comentário!