[RESENHA] UM SEDUTOR SEM CORAÇÃO (OS RAVENELS #1) - LISA KLEYPAS

segunda-feira, 21 de maio de 2018



Título original: Cold-Hearted Rake
Tradução: Ana Rodrigues
Formato: 16 x 23 cm
Número de Páginas: 320
Peso: 0.48 kg
Acabamento: brochura
ISBN: 9788580418156
EAN: 9788580418156



Sinopse: “A caracterização perspicaz, a química entre os personagens, uma pitada de humor mordaz e um herói lindo de morrer – tudo isso deixará as legiões de fãs de Lisa Kleypas encantadas.” – Booklist
“Uma narrativa temperada com tiradas espirituosas e cenas sensuais. A mudança nas motivações dos personagens eleva este romance a um lugar de destaque.” – RT Book Reviews
Devon Ravenel, o libertino mais maliciosamente charmoso de Londres, acabou de herdar um condado. Só que a nova posição de poder traz muitas responsabilidades indesejadas – e algumas surpresas.
A propriedade está afundada em dívidas e as três inocentes irmãs mais novas do antigo conde ainda estão ocupando a casa. Junto com elas vive Kathleen, a bela e jovem viúva, dona de uma inteligência e uma determinação que só se comparam às do próprio Devon.
Assim que o conhece, Kathleen percebe que não deve confiar em um cafajeste como ele. Mas a ardente atração que logo nasce entre os dois é impossível de negar.
Ao perceber que está sucumbindo à sedução habilmente orquestrada por Devon, ela se vê diante de um dilema: será que deve entregar o coração ao homem mais perigoso que já conheceu?
Um sedutor sem coração inaugura a coleção Os Ravenels com uma narrativa elegante, romântica e voluptuosa que fará você prender o fôlego até o final.


Resenha...

Minha vida é ler romance de época, leio outros gêneros, mas romance de época sempre será o meu preferido e do meu coração literário.
Em 2013 quando a Editora Arqueiro iniciou suas publicações do gênero, fui apresentada a autora Lisa Kleypas, e foi amor à primeira vista. Quando li Desejo à Meia-Noite, o primeiro livro publicado da autora e da série Os Hathaways, fiquei encantada.


Lisa surpreende com uma narrativa dinâmica e romântica, sensual e divertido. Os personagens entram na tua vida, e ficamos um tempo lembrando a história e sentindo saudades, e se for no início da série, dá aquela ansiedade para os próximos livros. E quando finaliza a série, sentimos órfãs. Foi assim com Hathaways, depois com a segunda série publicada, As Quatro Estações do Amor. E agora com a nova série da autora, Os Ravenels...

E estou na fase ansiosa após terminar a leitura do primeiro livro da série, Um Sedutor sem Coração, e adivinha?!?!?! Me apeguei aos personagens, Devon Ravenel e Kathleen, e os demais personagens...

Devon Ravenel, um solteiro convicto que vive razoavelmente bem, um bom vivant, até que um título cai no colo. Devido a morte do primo Theo, e Devon é o herdeiro na sucessão, agora ele era o Conde Trenear, além de herdar uma propriedade em decadência em Hampshire, terras e uma casa em Londres. Também terá responsabilidade das três primas, Helen uma moça doce e gentil, e as gêmeas espevitadas, Cassandra e Pandora. E da viúva do primo, Kathleen, que também será a perdição de Devon.

Kathleen depois de todos os problemas durante seu casamento, mas levava com rigidez os ritos do luto, talvez devido um sentimento de culpa, mas o irresistível e sedutor, Devon talvez desestabilize suas decisões, e coloque um pouco de cor na sua vida.

Mas até isso acontecer teremos muitos desentendimentos entre os dois, Kathleen por querer defender a propriedade, seus arrendatários e suas cunhadas que agora depois de todos os infortúnios são sua única família. Já Devon por desejar se livrar de todas as responsabilidades que foram atribuídos obrigatoriamente a ele. Ele quer voltar a sua vida normal juntamente com seu irmão Weston, conhecido como West .

Mas depois de um conjunto de fatores, entres eles a atração por Kathleen, e as espirituosas e agradáveis primas, Devon começa mudar sua visão em relação a tudo, irá querer conservar a propriedade e dar uma vida digna para sua nova família. Juntamente com o West que estimulado pelo irmão passará ajuda-lo.

Apesar de tudo a família se adapta o nova realidade, e Devon e West passam integrá-la naturalmente,  e a boa convivência começa a criar sólidos laços entre eles. Foi bem interessante a dinâmica da família, a facilidade que a autora conseguiu harmonizar todos foi incrível. 

Inclusive West, um eterno beberrão, começa a se transformar devido a influência e estabilidade emocional que a família proporciona. Apesar de ser um personagem divertido e de temperamento despreocupado, ele torna essencial para Devon na administração da propriedade rural.

Enquanto isso a tensão sexual entre Devon e Kathleen está cada vez mais acentuada. Entre as brigas por assuntos relacionados às propriedades e a educação das primas. A paixão entre os dois irá crescendo e se transformando em sentimentos mais profundos. Enquanto Kathleen resiste devido ao luto, e descobrimos o real motivo da sua culpa em relação a morte do marido. Devon está mais decidido em assumir a relação, mesmo não sabendo como irá fazer isso que convença Kathleen em acreditar nos seus sentimentos.

Lisa Kleypas sempre consegue arrebatar o leitor, criando uma narrativa sólida carregada de sentimentos e romantismo, com humor refinado, e diálogos inteligentes. Tanto os personagens principais quanto os secundários são bem construídos e conquistam o leitor imediatamente. E alguns destes secundários  serão futuramente protagonistas dos próximos livros da série, instigando os leitores a desejarem com urgência a leitura dos próximos.

Neste livro já temos o inicio da relação dos protagonistas  do próximo livro, no qual tem previsão de lançamento para julho. Vem muito mais emoção por aí... pelo que vimos da prévia  do casal neste livro.
 

1 comentários

  1. Lisa Kleypas é minha autora preferida de romance de época, amei ler a série Os Hathaways, tenho todos os livros e não dou, vendo e nem troco! ❤
    Sempre que vejo um novo livro da Lisa quero ler, infelizmente ainda não li Um Sedutor sem Coração mas tá na minha lista de leitura, e não vejo a hora de lê-lo!
    Essas características - o romantismo, o humor refinado e os diálogos inteligentes - é o que mais me agrada nos livros da Lisa, e espero que os livros da série Os Ravenels não demorem a ser lançados pois pelo visto assim que eu começar a ler os livros dessa série não vou querer parar de ler até terminar todos os volumes!

    ResponderExcluir

Deixe seu Comentário!