[RESENHA] A Jogada Perfeita - Jaci Burton - @editoraangel

segunda-feira, 20 de agosto de 2018

A Jogada Perfeita
Série Play by Play #1
Autora: Jaci Burton
Editora: Angel
I.S.B.N.: 978-85-92596-48-4
Páginas: 344
Compre: Editora Angel

Sinopse: O jogador profissional de futebol americano, Mick Riley, é uma estrela, tanto no campo quanto no quarto. Mas uma determinada e sexy mãe solteira pode ser a única a desestabilizá-lo… Durante anos ele aproveitou plenamente de tudo o que a vida de um atleta profissional pode oferecer: fama, fortuna e uma mulher diferente a cada cidade. Mas quando conhece e transa com a bela e confiante organizadora de eventos, Tara Lincoln, ele quer muito mais do que o típico caso de uma noite. Pena que Tara não está interessada em conhecer melhor o playboy mais famoso do futebol americano. Como mãe solteira de um adolescente, a última coisa que Tara precisa é de um bon vivant como Mick Riley; mesmo que a única noite – ardente e apaixonante – deles tenha sido inesquecível. A vida dela já é complicada demais sem estar sob os holofotes como “a garota da vez” do quarterback. Ela apostou no jogo do amor uma vez, e perdeu feio, e não pretende repetir o feito, especialmente com um destruidor de corações como Mick. Mas quando Mick coloca na cabeça que vai vencer, nada o detém. E ele já tem a jogada perfeita em mente.



UAU!! SIMPLESMENTE UAU!!
Jaci Burton simplesmente conseguiu me conquistar com sua escrita arrebatadora desde a primeira página!

Se tem uma coisa que eu AMO ler são os romances esportivos. Adoro jogadores e todo o circo de dramas com mulheres e mídia que rondam suas carreiras, assim como adoro homens grandes e com egos, mas principalmente corações maiores ainda, então com certeza Jaci acertou na medida e nos apresenta um romance simplesmente espetacular em todos os sentidos.

Mick é aquele tipo de cara que é bom. Sabe que é bom. E não tem problema nenhum em viver e desfrutar disso, visto que o mesmo trabalha duro e mantém a cabeça no jogo para isso.

Tara é o tipo de mocinha que eu adoro. Forte, destemida e muito determinada, é uma mulher de verdade. Está tentando conquistar o seu lugar ao sol por seus próprios méritos, é inteligente, focada e principalmente, uma leoa para garantir uma vida estável e feliz para seu filho.

Me vi muito em Tara que mesmo tendo dado um passo errado e engravidado na adolescencia, nunca desistiu dos seus sonhos e desde então trabalha duro todos os dias para garantir um futuro melhor para ela e Natan, seu filho de quase quinze anos.

O diferencial na trama de Jaci é que graças a Deus acabamos fugindo do amor à primeira vista. Embora o interesse de Mick por Tara tenha sido imediato, foi a personalidade dela e todas as outras nuances de sua vida que o conquistaram e vice versa.
Gente, Mick é um cara tão bom. Tão querido e com uma vibe tão linda que e completamente impossível não se apaixonar por ele. O cara simplesmente é todo coração, honra e determinação para proteger quem ama. Isso sem falar no senso de familia onde podemos desfrutar do convívio entre eles, conhecendo pessoas otimistas, amorosas e que poderiam estar perto de qualquer um de nós. Me senti muito em casa lendo este livro...hehehehe

Jaci Burton nos presenteia com uma linda história sobre o amor maduro e resiliência. Sobre determinação e compreensão.
Foi muito lindo a forma com a qual a autora abordou os problemas relacionados ao passado de Mick e Tara, assim como a jornada que os levou até este momento juntos.
Também amei o quanto o filho de Tara não foi apenas mais um adereço na trama e o quanto Mick realmente se apaixona por Natan desde o primeiro momento e o quanto ele entende as prioridades de Tara e em nenhum momento tenta concorrer com isso, mas sim agregar valor no cotidiano deles, proporcionando assim uma figura paterna espetacular em todos os quesitos. 

Mick é simplesmente MARAVILHOSO!!

A narrativa de Jaci é rápida, sensual e super divertida! Todos os momentos hots são lindos e bem escritos temperando assim com aquele calorzinho bom este lindo romance sobre esporte e família.
Os personagens secundários são ótimos e simplesmente ficamos muito encantados com toda a família de Mick (Gavin vem ni mim!! hehehehehe), mas também nos divertimos bastante com as fofos amigas/funcionárias de Tara (gostaria de ver mais delas).

Devorei o livro em um dia assim que voltei da Bienal e super recomendo!!

0 comentários

Postar um comentário

Deixe seu Comentário!