[CINEMA] HALLOWEEN

terça-feira, 23 de outubro de 2018


Data de lançamento: 25 de outubro de 2018 (1h 46min)
Direção: David Gordon Green
Elenco: Jamie Lee Curtis, Judy Greer, Will Patton
Gêneros: Terror, Suspense

Sinopse: Quatro décadas depois de ter escapado do ataque de Michael Myers em uma noite de Halloween, Laurie Strode (Jamie Lee Curtis) terá que confrontar o assassino mascarado pela última vez. Ela foi perseguida pela memória de ter sua vida por um triz, mas dessa vez, quando Myers retorna para a cidade de Haddonfield, ela está preparada.

Superou as expectativas!


Dia das Bruxas chegando e um dos filmes mais aguardados com certeza é o novo Halloween onde assim como eu, tenho certeza que todos vocês também estão ávidos e na expectativa para reencontrar um dos nossos serial killers favoritos né?
Bom, mais uma vez a convite da Espaço Z Marketing, fui convidada a conferir antecipadamente mais esta super estréia de arrepiar.

Com o approach de John Carpenter, Halloween é uma continuação 40 anos depois do clássico de 1978, onde todos os outros filmes lançados entre o primeiro e este foram completamente desprezados, Como se realmente nunca tivessem existido no universo desta franquia...AMÉM!
Assim, a trama começa exatamente 40 anos depois dos assassinatos cometidos por Michael Myers na noite de Halloween, onde o encontramos ainda encarcerado e aparentando completa alienação do mundo.

Jamie Lee Curtis retorna no papel de Laurie, que hoje é apenas uma avó reclusa e paranoica, mas na verdade, se tornou uma mulher obstinada e disposta a tudo para defender seus entes queridos, mas sobre tudo, dar um fim ao seu pior pesadelo que já perdura por longos 40 anos.

Halloween realmente conseguiu me surpreender.
Recriando o ambiente sombrio e retrô, o filme prende a atenção e joga muito com nossas expectativas em tentar antecipar cada momento de ataque de Michael.

Michael voltou mais sinistro e sanguinário do que nunca. Gostei muito como a produção consegue criar novamente aquele ar misterioso entorno deste personagem tão batido, dando uma verdadeira ressurreição à ele.
Um dos pontos que mais colaboram é poder ver Michael como um ser humano sem a máscara, mas sem nunca conseguir vislumbrar seu rosto, isso contribui para despir o personagem de elementos sobrenaturais e nos fazer enxergá-lo apenas pelo assassino desequilibrado que ele é.

Um dos pontos mais falhos na trama é a construção da família de Laurie (Jamie Lee Curtis), já que sua filha foi criada por uma mãe paranoica para ser uma sobrevivente, o total desapego e alienação demonstrado durante boa parte do filme acaba tornando estes personagens apenas irritantes e de pouca contribuição para o filme. Teve horas em que eu até torci pra morrer todo mundo logo! hehehehehe

Mas achei a engenhosidade envolvendo Laurie bem crível e me rendeu momentos de muita expectativa, apreensão e sustos de respeito. Com um final super tenso e bem mirabolante, que ainda deixa margem para a imaginação e futuras sequências se precisar este filme definitivamente lacrou trazendo Michael Myers de volta ao nosso imaginário!


Das últimas levas de filmes de terror, certamente Halloween figura entre os melhores e agora para este dia das bruxas e Finados vale a pena ser conferido!

0 comentários

Postar um comentário

Deixe seu Comentário!