[RESENHA] BAÍA DOS SUSPIROS (OS GUARDIÕES #2) - NORA ROBERTS

domingo, 7 de outubro de 2018




Título original: Bay of Sighs
Tradução: Maria Clara de Biase
Formato: 16 x 23 cm
Número de Páginas: 288
Peso: 0.40 kg
Acabamento: brochura
ISBN: 9788580418651
EAN: 9788580418651



Sinopse: Nora Roberts tem mais de 500 milhões de livros vendidos no mundo

Segundo volume da trilogia Os Guardiões


“Poético, hipnotizante… Uma história mágica que dá continuidade à trilogia de forma perfeita.” Library Journal


Para celebrar a ascensão ao trono de sua nova rainha, as deusas da lua criaram três estrelas, de fogo, água e gelo. Mas a deusa da escuridão as fez cair do céu, pondo em risco o destino de todos os mundos. Os seis guardiões, três homens e três mulheres de natureza especial, seguem unindo forças na busca pelas estrelas.

Com sua bússola mágica, Sawyer King os transporta para a ilha de Capri, onde está escondida a Estrela de Água. Agora, eles vão precisar contar ainda mais com a sereia Annika. Nova neste mundo, sua pureza e beleza são de tirar o fôlego, assim como sua lealdade e disposição em proteger os novos amigos.

Sawyer logo se vê atraído por seu espírito alegre. Mas Annika deve voltar para o mar em breve, e ele sabe que, se permitir que ela entre em seu coração, nenhuma bússola será capaz de guiá-lo para a terra firme…

Enquanto isso, na escuridão, Nerezza está furiosa com a primeira derrota e planeja um retorno ainda mais maligno. Ela perdeu uma estrela para os guardiões, mas ainda há tempo para derramamento de sangue. Pois uma nova arma está sendo forjada. Algo mortal e imprevisível.





Resenha...


Segundo livro da trilogia Os Guardiões da divosa Nora Roberts traz uma narrativa com algumas informações que ficaram pendentes no livro anterior, As Estrelas da Sorte (resenha aqui). E também a busca pela segunda estrela.


Neste livro paralelamente a busca, iremos conhecer o desenvolvimento da relação do casal, Sawyer e Annika, talvez os mais adoráveis dos personagens da trilogia. 


Annika chegou misteriosamente no primeiro livro, ninguém sabia da onde ela vinha, e ela sempre despistava quando alguém a questionava. Uma personalidade diferente, mistura pureza, ingenuidade e uma certa felicidade esfuziante que por muitas vezes confundia a percepção dos outros em relação a ela. Conquistou a todos principalmente um deles...


Swayer faz o estilo bom moço, gentil, atencioso, brincalhão sempre de bem com a vida, adora implicar com Riley. E tem uma responsabilidade passada de geração para geração, através de uma bússola ele pode viajar no tempo. 


Enquanto eles se preparam para busca, os sentimentos entre Annika e Swayer começam a solidificar se tornando inevitável a relação. A ingenuidade e a pureza de Annika deixam um pouco inseguro Swayer de iniciar um relacionamento, mas a gentiliza e uma certa audácia de Annika acaba derrubando quaisquer dúvidas.
 

Por outro lado, a deusa inimiga, Nerezza consegue um aliado que a deixará bem mais forte e que tem um interesse em Annika pelo que é (não irei revelar, sabe quem leu o primeiro livro) e principalmente Swayer devido a bússola.


Inicialmente eles conseguem parcialmente o intento, e nesse momento Swayer terá um desafio em relação ao seu dom. Culpa e dúvidas poderão afastar Swayer do grupo e principalmente de Annika.


O livro Baia dos Suspiros, tem mais esclarecimento em relação as estrelas,  já que no primeiro livro ficou muito subentendido algumas coisas. Por isso as vezes a leitura possa ser um pouco cadenciada.


Mas em contrapartida, cada vez que Annika aparece é diversão garantida, por não entender muita coisa, e acaba falando algumas coisas fora de contexto ou em momentos inapropriados deixando principalmente Swayer constrangido, porém essa característica da Annika é adorável. 


Um detalhe foi que Nora Roberts não desenvolveu, ou melhor, muito pouco a relação do casal do próximo livro. A autora costuma ao mesmo tempo formar o terceiro casal do meio para o final e instigar o leitor a criar uma expectativa. Mas não foi o caso de Baía dos Suspiros...


es de romance iniciaram mais para últimas páginas do livro. Não estou reclamando, pelo contrário estou mais ansiosa pelo terceiro por curiosidade de como a autora irá conduzir a relação, talvez dos dois personagens com personalidade mais forte do grupo, Riley e Doyle, como será que a autora irá conduzir essa relação?

0 comentários

Postar um comentário

Deixe seu Comentário!