[RESENHA] Boa Garota - Jana Aston - AllBook Editora

segunda-feira, 24 de junho de 2019

boa garota
Autora: Jana Aston
Editora: AllBook
Páginas: 235

Sempre fui uma boa garota.
Trabalho duro, sigo as regras, sempre conquisto meus objetivos.

Mas, às vezes, boas garotas querem coisas que não são boas para elas.
Ou alguém que não é bom para elas.
Tipo seu novo chefe.

E, às vezes, elas fazem coisas ruins para chamar sua atenção.
Como vender a virgindade em um leilão.

Quem diria que ele ficaria tão, tão bravo?
Talvez esse não tenha sido meu melhor plano…



esperava mais!
Helooooooowwww pipow!! hehehehehehe

Depois de tanto ver este livro figurando nos grupos de leitores gringos e nas redes sociais, busquei a sinopse e vi o endosso de várias autoras que eu amo, tipo...Meghan March, então eu tinha que conferir por mim mesma esse livro que me deixou tão curiosa!

Boa Garota é aquele tipo de livro bem clichê e despretensioso, mas que ao mesmo tempo vai te instigando e continuar a leitura pra ver onde vai dar. E, embora eu tenha tido dificuldades para engrenar a leitura, acabei gostando de como a trama se desenrola do meio para o final.


Jana Aston, alterna a narrativa em primeira pessoa entre a bobinha, sonhadora e tagarela mental Lydia e o maravilhoso, quente e todo alfa Rhys.
E é assim que começa o dilema do leitor.

Os capítulos narrados pelo ponto de vista da Lydia, são cansativos devido a todo o blablablá mental em sua cabeça...juro pra vocês que é tanta nóia nessa cabeça dela, que chega a dar umas 2 páginas às vezes e eu sem paciência acabei pulando vários trechos sem perder exatamente NADA da trama, visto que suas divagações internas são extremamente massantes em diversos momentos.

Mesmo assim, Lydia é uma personagem fofa e cativante. Do meio para o fim seus hábitos estranhos acabam cativando o leitor e tirando a diarreia mental extrema e ininterrupta, passamos a achar ela engraçada e fofa.

Rhys já é outra história! Apesar de sua falta de noção, ele é todo macho alfa, gostoso, protetor e amoroso! Adoro como ele vai se deixando apaixonar pelo jeito esquisito de Lydia e o quanto sua criatividade nos brinda com cenas quentes e de tirar o fôlego.

No geral a história é bem clichê, mas quem não ama isso né? Mas tenho que confessar que a história só me pegou do meio para o fim e as falhas na tradução e revisão acabaram contribuindo muito para eu não ter amado completamente o livro.
Adoro a capa original, então a adaptação roxa acabou me incomodando um pouco, mas foram os erros de tradução e preparação do texto que me incomodaram bastante. 

No geral é um livro gostosinho de ler e se torna bem divertido e empolgante na finaleira, então valeu a leitura...mas quem rouba a cena são os personagens secundários como Payton a colega de quarto espevitada de Lydia, Vince o dono do clube de stripper e Canon o amigo de Rhys. O que me deixou muito curiosa para ler Good Time que é o próximo livro deste universo.

0 comentários

Postar um comentário

Deixe seu Comentário!