[RESENHA] UMA TENTAÇÃO PERIGOSA (OS RAVENELS #7) – LISA KLEYPAS

segunda-feira, 28 de março de 2022

 

TÍTULO ORIGINAL: DEVIL IN DISGUISE
TRADUÇÃO: CAROLINA RODRIGUES
FORMATO: 16 X 23 CM
NÚMERO DE PÁGINAS: 288

SINOPSE: Uma tentação perigosa é o sétimo volume de Os Ravenels e conta com a participação especial das inesquecíveis protagonistas da série As Quatro Estações do Amor.

Lisa Kleypas já vendeu 600 mil exemplares pela Editora Arqueiro.

Lady Merritt Sterling, uma jovem viúva que dirige a empresa de navegação do falecido marido, sabe que tudo que a sociedade londrina quer é flagrá-la em um escândalo. Até agora, ela foi inteligente o suficiente para não lhe dar essa satisfação.

Mas ao conhecer Keir MacRae, um destilador de uísque escocês rude e lindo de morrer, todos os seus planos sensatos podem virar fumaça. Embora sejam de mundos totalmente diferentes, a atração que surge entre os dois é poderosa e irresistível.

Quando Keir chega a Londres, tem os seguintes objetivos: não se apaixonar pela deslumbrante lady Merritt e evitar ser assassinado. Até agora, nenhum dos dois está indo muito bem. Seu mundo está de cabeça para baixo e a única pessoa em quem ele confia é ela.

Conforme o perigo se aproxima, Merritt fará o que for preciso para salvar o escocês, enquanto ele precisa descobrir se é capaz de oferecer a única coisa que ela deseja mais que a segurança dele: seu amor.

 

O livro UMA TENTAÇÃO PERIGOSA da LISA KLEYPAS, o sétimo e o último (espero...) da série RAVENELS foi um livro incrível para fãs que estavam com saudades de alguns personagens das outras séries da autora, mas desconexo com a série.

Nos reencontramos com Merritt Sterling, filha do casal (Lilian Bowman e Marcus Marsden, o conde Westcliff) protagonistas do livro ERA UMA VEZ NO OUTONO, segundo da série AS QUATRO ESTAÇÕES DO AMOR.

Merritt apareceu pela primeira vez na série Ravenels, no quinto livro da série, UMA HERDEIRA APAIXONADA, ela é amiga próxima de Phoebe, que é filha de outro casal de protagonistas da série AS QUATRO ESTAÇÕES DO AMOR, Sebastian St. Vincent e Evie (terceiro livro da série). As famílias são muito próximas.

Porém no livro da Phoebe, Merritt ainda estava casada com um magnata da indústria naval, Joshua Sterling, mas atualmente ela é uma viúva que herdou a companhia do marido e juntamente com seu irmão caçula, Luke Marsden a administra primorosamente bem.

Merritt tem uma personalidade forte, amorosa e cativante, e segundo o irmão, ela tem uma voz de mel que acalma as piores feras, e ela irá precisar para domar um escocês furioso e encharcado de uísque.

Keir McRae, escocês e possui uma destilaria de uísque, veio a Londres com o objetivo de ampliar seus negócios, porém não contava com alguns imprevistos. Além de tomar um banho do seu próprio uísque e supostamente sofrer tentativas de assassinato, ele perderá o coração para uma irresistível moça.

Bom... o livro no geral é maravilhoso, tanto Keir quanto Merritt são personagens interessantes e bem desenvolvidos individualmente pela autora, mas... apesar de nós fãs de romances de época várias vezes nos deparamos com amores à primeira vista, mas nesse caso acho que faltou elementos até para isso.

No livro da Phoebe, pelo olhar da protagonista, a autora já atribuiu a Merritt uma personalidade encantadora com que fazia as pessoas sentiram especiais e com isso não tinha como conhecer Merritt sem se apaixonar um pouco...

E apesar de Keir ser um homem irresistivelmente atraente, com certa rudeza, mas ao mesmo tempo amoroso e romântico. Mas mesmo com todas essas características, achei que faltou tempo para construção da relação.

Aconteceu algo logo nos primeiros capítulos do livro, que apesar de eles estarem juntos, e talvez nesse momento a autora poderia até desenvolver melhor a relação, e eu achei que ela iria aproveitar essa oportunidade, mas não ocorreu...

Na verdade, o livro girou mais em torno dos problemas de um personagem especificamente, e sei que estou sendo vaga, pois se eu fizer alguma referência entregarei um spoiler enorme do livro. Sei que algumas de vocês sabem o contexto do livro, mas sempre quando escrevo alguma resenha, penso nas leitoras que não leram nem o primeiro livro, então prefiro não dar muita informação.

Outra coisa que senti falta e tinha espaço para isso, é ter inserido um Ravenel, mesmo que indiretamente teve a participação de alguém ligado a eles, porém via Phoebe que passou um tempo ao lado de Merritt, o West poderia ter sido inserido na trama.

Mas ao mesmo tempo, se deixar de lado esses pormenores, é um livro delicioso de ler, mesmo sentindo falta de mais solidez na relação, é um romance lindo, como disse anteriormente, os personagens são muito bem desenvolvidos pela autora, e não tem como não se apaixonar por eles. Além disso... dá para matar saudades de alguns personagens da série AS QUATRO ESTAÇÕES DO AMOR.

Posso dizer que o livro UMA TENTAÇÃO PERIGOSA foi feito para fãs da autora Lisa Kleypas, pois traz personagens de outros livros, que continuam completamente irresistíveis e dá aquela vontade de reler os livros. E mesmo com todos os defeitos citados, o livro tem uma narrativa bem dinâmica, e somente conseguirá parar de ler quando chegar no final.


0 comentários

Postar um comentário

Deixe seu Comentário!